7 de nov de 2014

PINK FLOYD - "The Endless River" - 2014


Amigos, ai está o tão esperado álbum do Pink Floyd, “The Endless River”, vinte anos depois de seu antecessor “The Division Bell” e por conta disto, não sei quanto tempo este link ficará ativo, portanto, sejam rápidos. 

Ainda não escutei o álbum e neste momento o objetivo é sua divulgação e disseminação, pois se trata do lançamento mais bombástico dos últimos tempos por razões obvias e que desde o anuncio de seu lançamento tem dividido opiniões.

Muito bem, eu sou da ala que acredita que qualquer coisa feita pelo Pink Floyd, mesmo que aproveitando material de sessões de outro álbum, fazendo um enxerto aqui e ali com novas harmonizações e solos, bem como adicionando vocais é melhor do que 95% de qualquer coisa que tenha sido lançada nos últimos vinte anos para esta vertente musical.

Por outro lado, teve um jornalista que graças a Deus eu não lembro o nome, que fez uma matéria descendo a lenha na banda, pelo anuncio do fim do grupo após este novo lançamento, uma vez que eles após a turnê de "The Division Bell" há vinte anos trás já o haviam feito e, portanto, eles não poderiam estar anunciando o fim de algo que já tinha acabado. 

Até da capa do álbum este energúmeno reclamou, mas acredito que este cidadão faça parte de uma minoria burra, dita intelectual, que não consegue enxergar um centímetro a frente do próprio umbigo, pois se esquece de que, não está se referindo a alguns jovens músicos tentando se lançar no mundo do rock, mas sim de alguns senhores em torno dos setenta anos, mais uma vez fazendo história, pois fazer dinheiro, eles já fizeram há algumas décadas atrás.

Este álbum com  certeza está  carregado de fortes emoções, pois  não  só marca o  anunciado fim da banda, mas principalmente faz uma uma justa e merecida homenagem a Rick Wright, que mesmo não estando mais conosco, tem a sua parcela de genialidade presente neste álbum.  

Os fãs da banda, que, diga-se de passagem, não param de crescer e a prova você encontra em
qualquer supermercado, pois seus álbuns continuam a venda em todo o planeta, com certeza estão na mesma ansiedade em que eu me encontro para poder ouvir este novo trabalho, portanto eu vou ficando por aqui.

ALTAMENTE RECOMENDADO!!!!

Pink Floyd
David Gilmour – vocais, guitarra
Nick Mason – bateria, percussão
Richard Wright – teclado, piano (in memorian)


Guest Musicians
Sarah Brown – vocal de apoio
Guy Pratt – baixo
Louise Clare Marshall – vocal de apoio
Durga McBroom – vocal de apoio


Tracks:
01 – Side 1, Pt. 1 Things Left Unsaid
02 – Side 1, Pt. 2 It’s What We Do
03 – Side 1, Pt. 3 Ebb And Flow
04 – Side 2, Pt. 1 Sum
05 – Side 2, Pt. 2 Skins
06 – Side 2, Pt. 3 Unsung
07 – Side 2, Pt. 4 Anisina
08 – Side 3, Pt. 1 The Lost Art Of Conversation
09 – Side 3, Pt. 2 On Noodle Street
10 – Side 3, Pt. 3 Night Light
11 – Side 3, Pt. 4 Allons-Y (1)
12 – Side 3, Pt. 5 Autumn ’68
13 – Side 3, Pt. 6 Allons-Y (2)
14 – Side 3, Pt. 7 Talkin’ Hawkin’
15 – Side 4, Pt. 1 Calling
16 – Side 4, Pt. 2 Eyes To Pearls
17 – Side 4, Pt. 3 Surfacing
18 – Side 4, Pt. 4 Louder Than Words
19 – TBS9
20 – TBS14
21 – Nervana


LINK REMOVIDO PELOS FDP'S DA DMCA


15 comentários:

  1. Meu caro amigo Gustavo, estou ouvindo agora este maravilhoso álbum... O som é excelente, as letras também. a guitarra do Gilmour está um primor! Fizeram com competência e emoção. Sou um grande fã do Pink Floyd. Podem descer a lenha a vontade... Uma banda como essa é única e este álbum é superior ao Division Bell. Apesar de estar ouvindo agora, vou comprar este álbum para ter a coleção completa.
    Parabéns brother, por ter a coragem de postar e divulgar esta obra...

    Um grande abraço

    Breu (Valvulado)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Velhão,

      Em qualquer situação Pink Floyd sempre será Pink Floyd....

      Como disse na resenha, qualquer coisa feita por eles sempre será melhor do que 95% de tudo que foi produzido nestes últimos 20 anos.....

      Prazer em tê-lo por aqui....

      Um forte abraço.....

      Gustavo

      Excluir
  2. Prezado Gustavo,
    Ontem, à noite, abusei da sua boa vontade. Mas, tava danado! O link quando chegava ao 23 minutos, abortava. Nos comunicamos por e-mail. Vc me mandou o mega. E te respondi que nada ainda... Hoje, de manhã, tentei com seu link do blog: a mesma coisa, tudo morrendo nos 23 minutos. Mas, depois de tanto esperar, mesmo um ateu como eu, quase rezei(rs), o disco baixou.
    Ainda não escutei. Mas, Pink Floyd... Talvez vc nem publique, mas, pelo amor de deus, um cd nacional, a promoção, está a 40 reais!

    Muito obrigado, cara!
    Tudo de bom ainda é pouco para vc!
    Saddam, aquele que confronta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Velhão,

      Não esquenta, pois o negócio e agente se divertir e nada melhor do que fazê-lo com a música....

      Foi um prazer....

      Abraços,

      Gustavo

      Excluir
  3. Fala Gustavo! Um belo presente. Tenho acompanhado as notícias e críticas sobre este aguardado álbum e o melhor caminho para formar uma opinião, é ouvindo. Resumindo, é Pink Floyd, assinado embaixo.
    Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  4. Até que demorou a DMCA mostrar suas garras...

    Alguém sabe me explicar sobre isso= http://4.bp.blogspot.com/-gxO1D4jVUHM/VCNF5CO712I/AAAAAAABat0/NYqWmXyQGFY/s1600/10704765_10205086863641171_200018170_n.jpg.
    Seria um falso ENDLESS RIVER?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Velho,

      O único jeito é comparar com CD físico que vai ser vendido......

      Abraços,

      Gustavo

      Excluir
  5. Gus, cheguei tarde!!! A inquisição chegou primeiro. Mas valeu a resenha, sempre de prima. consegui o álbum por outros meios e concordo plenamente com o que escreveu... Um álbum muito bom.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Java

      Até que durou muito... uns três dias.......

      É um belo álbum que mostra mais uma vez o Pink Floyd escrevendo a história da música......

      Um forte abraço,

      Gustavo

      Excluir
  6. STANDARD EDITION:
    http://minhateca.com.br/cfarias/euescuto.com.br+-+Pink+Floyd+-+The+Endless+River+(2014)(1),131957407.zip(archive)

    ResponderExcluir
  7. DELUXE EDITION (sem os vídeos, naturalmente):

    mp3 320
    http://xerver.co/xtwhnf5t8i9e/Floyd320.rar

    flac
    http://xerver.co/w7ue4ntlzuvn/FloydFLAC.rar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma pergunta= em flac não tem interrupção entre uma e outra faixa, o cd toca direto?

      Excluir
    2. Não, meu amigo! FLAC é só um formato de compressão de áudio superior ao MP3 de 320k. Eu acredito que é melhor qualidade encontrada em áudio "comprimido".

      Mas se você ouve as músicas no Windows Media Player, vá em Aprimoramentos e procure "Fading Cruzado" e ajuste até suprimir os espaços entre as músicas.
      - Marcito

      Excluir
  8. Gravo e escuto na aparelhagem de som. Sou leigo. É que já gravei discos em que as músicas seguiam direto. Por exemplo, o Endless River ,no visor do cd player apareceria como se fosse uma só faixa, mas com as 21 músicas, durando pouco mais de 60 minutos. Em mp3 ,na passagem de uma faixa para outra, há cortes.

    Grato pelo esclarecimento. Valeu!

    ResponderExcluir
  9. Obrigado a todos pelos compartilhamentos e informações....

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails