4 de jun de 2013

MARILLION -“The Thieving Magpie - La Gazza Ladra” - 1988

Sem motivação, não há como escrever uma razoável resenha, e neste caso, o que me motivou a escrever esta, não foi o álbum e muito menos a banda, que são ótimos, perfeitos e eu adoro ambos, entretanto, uma reportagem da Folha de São Paulo, datada de 1988, simplesmente tenta destruir o álbum e a banda de forma maldosa e perversa.

Eu li este recorte de jornal há poucos dias no Facebook em uma Fan Page do Marillion/Fish, a “Fishheads Club Brazil” onde o álbum, “The Thieving Magpie”, seu segundo álbum ao vivo, era simplesmente detonado por um “jornalista/crítico??” que eu não vou citar o nome, pois não merece crédito, entretanto, o seu nome poderá ser lido na imagem anexa a esta resenha.

O massacre começa logo pelo título da dita reportagem, dando fortes indícios que o dito repórter, odiava a banda, aliás, odiava o rock, pois seu texto é carregado de forte ressentimento e maldade gratuita, com comparações chulas e despropositadas, apenas com o intuito de denegrir o trabalho alheio, coisa que um energúmeno como ele jamais em tempo algum, teria a capacidade de produzir um milionésimo do pior trabalho do Marillion, pois até para isso, seria necessário competência, atributo este, que inexiste em um ser destrutivo.

Lógico, a história sempre cobra seu tributo e este jornalista, no mínimo, se ainda for vivo, deve morrer de vergonha pela matéria publicada, pois provavelmente deve ter imaginado que a banda acabaria ou coisa parecida, mas contra a história, não há argumentos e sim fatos e o Marillion está na ativa até hoje, com uma incontável legião de fãs espalhadas pelo planeta.


Ler uma crítica desfavorável a um trabalho lastreada por argumentos técnicos ou estéticos ou até mesmo filosóficos é uma coisa, mas ler um texto mal intencionado, somente porque quem o escreveu não é afeto ao assunto, é no mínimo uma falta de ética profissional e um desrespeito aos leitores, que neste caso, ficou muito bem registrado em cada parágrafo, recheado de adjetivos de cunho pejorativo que só tinham um único objetivo, a destruição, é no mínimo “lastimável”, levando se em consideração que o veículo de comunicação utilizado carrega em seu DNA a grife da Folha de São Paulo.

Palavras como mimeógrafo, imitação, pseudo-Gabriel, memória curta e tantas outras, associadas à falta de conhecimento da história do rock e desprezo pela música, fora o total desrespeito pelos leitores, são os ingredientes desta infeliz crítica, feita por um ressentido, amante de outra vertente musical extinta, pois o rock o progressivo, está vivo até hoje. 

O Marillion é uma banda com personalidade própria, formada por músicos de primeira linha, com uma extensa discografia iniciada em 1982, tendo o seu último álbum de estúdio lançado em 2012 e que em dado momento de sua trajetória, mudou seu rumo musical por conta da saída de “Fish” que partiu em carreira solo e mesmo assim manteve o alto nível de álbuns e shows, cada vez mais conquistando fãs, mas até isso, serviu de pretexto para “meter o pau” no trabalho e na banda.

Espero que esta infeliz matéria "jornalística??" sirva como uma “lição aprendida” às novas gerações de jornalistas/críticos e aos meios de comunicação, que entre o artista e seu público, existe uma forte ligação que deve ser respeitada, pois palavras sem fundamentos se perdem no vazio e no descrédito. 

Quanto a este álbum e a banda, querer tecer algum comentário a respeito, para mim é “chover no molhado”, pois tudo o que poderia ser dito, muito provavelmente já foi feito e sem dúvidas alguma, está gravado na história do rock e esta resenha foi elaborada única e exclusivamente como uma forma de “desagravo” a esta crítica tendenciosa e mal intencionada, mas principalmente para resgatar e reconhecer com as devidas considerações o trabalho de um dos maiores  ícones da segunda geração do rock progressivo.

ALTAMENTE RECOMENDADO!!!!

Marillion:
Fish / vocals
Mark Kelly / keyboards
Ian Mosley / drums
Steve Rothery / guitars
Pete Trewavas / basses


Tracks:
CD01:
01. Intro-La Gazza Ladra (2:45)
02. Slainte Mhath (4:48)
03. He knows you know (5:12)
04. Chelsea Monday (7:59)
05. Freaks (7:59)
06. Jigsaw (6:24)
07. Punch and Judy (3:22)
08. Sugar mice (6:02)
09. Fugazi (8:38)
10. Script for a Jester's tears (8:44)
11. Incommunicado (5:23)
12. White Russian (6:13)

CD02:
01. Pseudo silk kimono (2:19)
02. Kayleigh (3:52)
03. Lavender (2:27)
04. Bitter suite (7:37)
05. Heart of Lothian (5:12)
06. Waterhole (expresso bongo) (2:16)
07. Lords of the backstage (6:07)
08. Blind curve (5:34)
09. Childhood's end? (2:47)
10. White feather (4:22)




46 comentários:

  1. Excelente post.
    Faço parte da legião de fãs do Marillion e fiz parte dos fãs que esperavam o novo álbum ser lançado. Lembro-me que ouvi o Script for... muitas e muitas vezes. Forgotten Sons é um track épico. Vi o show no Hollywood Rock de 90 (acho) já sem o Fish.

    Críticos deste tipo se encaixam perfeitamente no comment da Lucy - gosto disfarçado de sapiência...

    A formaçõa deste álbum é a clássica, e para mim retrata a melhor fase do Marillion e, tem mais, Pseudo-Peter Gabriel é um baita elogio!!!

    Abraços do Java

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Java,

      Valeu meu velho,

      Já dei uma Passada lá no VALVULADO e li a resenha do álbum do Fish, "Raingods With Zippos", com a presença de Steve Wilson, que é outra fera.... maravilha meu irmão....

      Abraços,

      Gustavo

      Excluir
  2. Prezados Capitães e Navegantes!

    Essa resenha Mano Véio, lembrou-me uma edição da Som Três, onde José Emilio Rondeau e Ana Maria Bahiana, decidiram escolher as 10 maiores bandas de todos os tempos.

    No critério dos dois tínhamos:

    Beatles, Cream, Traffic, Fucking Stones, The Who, Yes, Pink Floyd, Led Zeppelin, Crosby Still Nash and Young e por fim Sex Pistols…O Clash não entrou na lista porque segundo os sabichões, eles eram na época a melhor banda do mundo, e por isso mereciam uma edição especial....

    Quando vi o nome do Traffic, dos Pistols, do Crosby, Still..... eu quase tive um colapso....!!!!!!!!

    Pior que isso, foi ver o “Casal Meia Boca” destruir o Yes, Floyd, Zeppelin...Menosprezando obras que até hoje são reverenciados pelo mundo todo, só para justificar o então, movimento punk, que aqui no Brasil explodiu que nem um traque........

    Textos mal e porcamente escritos, resenhas piegas,! O final do Who poderia ser colocado como fim de novela das seis......

    Como é possível explicar os Beatles em duas páginas???? Eu explicaria o The Clash com uma linha....

    Uma vergonha.!!!!...Esse estilo de crítica prevaleceu ainda nas revistas Roll e culminou com a Bizz ( aquela que o Marcelo Nova e o Raul falaram que era boa para ler quando dava dor de barriga).

    Agora você desenterra essa crítica horrorosa escrita por um boçal, em um Jornal que pra mim nunca foi lá essas coisas...

    Recentemente falamos de By the Pound, The Musical Box Project, o Valvulado acabou de postar um Gênesis, e você coroa a todos com essa obra magnífica do Marillion.

    Pronto, quantas bandas sobraram com a coragem do Marillion para fazer uma música arte, nos moldes do Genesis sem soar como imitação barata??????

    Nem o Genesis de Phill Collins fez algo maior do que o Marillion de Fisch...Comparem Invisiible Touch com Misplaced Childhood.

    Quantas bandas hoje em dia fazem uma música com padrão de qualidade “Dinossauro”??? Que eu me lembre, depois do final dos anos 70, somente o Marillion conseguiu expressão internacional com status de supergrupo!

    The Thieving Magpie – La Gazza Ladra só não é melhor, porque não é triplo, porque não tem Grendel....Deveria ser um trabalho ousado e arrojado como Yessongs. Porque tinha conteúdo de sobra pra isso.

    Os críticos da década de 80, estavam impressionados na época com Bauhaus, U2, Dead Kennedys, The Cure...

    Qualquer sinal de inteligência era rejeitado de forma brusca, porque para ouvir Marillion dava trabalho, era necessário pensar, conhecer música clássica. E preguiça mental era o que sobrava nos críticos daquela época,,,,,Que o diga Paulo Ricardo Medeiros.

    cont..

    ResponderExcluir
  3. Eu acho que comentar essa obra do Marillion é chover no molhado, é discutir o que todos já sabem......

    Neste momento, eu estou ouvindo o Purgatório, que o Dead postou, sobre o livro de Dante....Vejam bem, quem hoje em dia está realmente disposto a publicar uma linha sequer sobre um trabalho desta envergadura???

    Nem a obra de Dante é divulgada,!!!!!!! Imaginem um projeto que canta em verso, prosa e muita música de qualidade esse clássico da literatura.

    Será que no Uol Musica tem alguma coisa a respeito????

    Não, mas semana passada dia 22/5 foi publicado que o vocalista Mau dos Garotos Podres, criadores de clássicos como “Vou Fazer Cocô”, “Vomitaram no Trem” e “Fernandinho Viadinho” estavam travando uma difícil e intricada batalha judicial porque os demais membros Caverna e Sukata querem deter o nome da banda.

    E o show do Yes do dia 23 24 ????? Alguém achou um link com a resenha da apresentação?????

    Por piores e odiosos que fossem os críticos da década de 80, pelo menos eles tinham a década de 70 como referência para escreverem suas bobagens.....Mas e hoje????? Nem isso sobrou.....

    Eu neste blog e no som Mutante, falei o que pensava de Bob Fripp, porque gastei muita grana comprando discos do K.C., e porque gastei também muitas horas de minha juventude ouvindo-os tocarem no meu modesto 3X1..

    Então, eu posso descascar o Fripp....

    Mas esses críticos não tem propriedade para dizer uma linha sequer sobre Bob Fripp, Marillion, Yes, sejam quem for, porque recebem para escrever, ganham discos de graça, são remunerados, profissionais, chatos, mau humorados e acima de tudo frustrados.....

    Nós não, somos fãs, escrevemos com paixão e às vezes com muito pesar......, Guardávamos nossa grana suada para comprar um L.P.....

    Por isso é que foi muito difícil para mim, escrever sobre o Yes na última resenha. Porque escrevi sobre uma banda que cultuo desde a infância, mas escrevi a verdade....Esse tem que ser nosso compromisso. E o tempo vai confirmar o que deixamos gravado neste espaço.

    Eu ainda acho Mano Véio que você deveria dar uma chance pro Marbles do Marillion....

    Com certeza iria deixar esse Buteco mais bonito e provar pra esses babacas que só a burrice e a soberba envelhecem com o tempo .....Já o bom gosto e a inteligência não...apenas melhoram .

    ABRAÇO....FORÇA....SUCESSO A TODOS!!!

    The Ancient

    Traffic?????????? Crosby, Still, Nash and Young?????? The Clash??????? Nem no Blog do Dead tem post destas bandas!!!!!!!! Como levar esses caras a sério?????????????

    ResponderExcluir
  4. Carlos, como agradecimento pelas sinceras palavras segue o YES em Buenos Aires:

    http://musictravellerstwo.blogspot.com.br/2013/06/yes-2013-05-30-buenos-aires.html

    E o Yes no RIO:

    http://musictravellerstwo.blogspot.com.br/2013/05/yes-2013-05-25-rio-de-janeiro.html

    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  5. Deveria ter lembrado de incluir o Marillion dentre as sugestões do melhor da década de 80, mas foi uma falha minha, devidamente reparada nesta oportuna postagem. São 20 álbuns muito bons que tenho por aqui, mas confesso que faz um tempinho que não ouvia. Esta postagem me estimulou a curtir novamente e agora estou escrevendo ao som de Marbles by the Sea, bem lembrado por Anc, lançado em 2005 e gravado ao vivo na Inglaterra, no dia 11 de Março. Este postado, curti muito em vinil, comprado com um dos primeiros salários de ex-estagiário recém formado. Lembro que conheci o trabalho do Marillion através da Fluminense FM, que comprou a briga de Fish e mostrou que Marillion é Marillion e Genesis é Genesis, aliás, comparar o Marillion cujo primeiro álbum, Forgotten Suns foi lançado em 1982, justamente quando o Genesis resolvia dançar nas pistas, com Three Sides a Live, Abacab, Duke e outras coisas? Só podiam estar de birra. Em 1991 me lançam "We Can't Dance"...nós quem? cara pálida. O Marillion enriqueceu a década de 80, 90, 2000 e se mantém em alto nível, com Fish de 1982-88 e com Hogarth de 1989-Até Hoje. Talvez por não ser uma banda de um só, mas por ser um grupo que curte trabalhar da mesma forma e em harmonia. O Marillion tem base, merece nossos aplausos e agradecimento pela existência e legado.
    Quanto à reportagem que Gustavo trouxe para dar base à resenha, não tenho nada a acrescentar ao que foi bem dissecado na resenha e confirmado por Anc, mas somente registrar que me fez lembrar daquela verborragia publicada no Wishplash sobre o Genesis.
    Javanes, você está correto na sua lembrança. Fish saiu do Marillion em 1988.
    Anc, também recomendo o inspirado álbum Brave de 1994.
    Gustavo, parabéns pela postagem e muito obrigado.
    Abraços a todos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falha minha! Forgotten Suns é o título de um álbum gravado ao vivo na Holanda, no festival de rock em Den Haag Parkpop em 03 de julho de 1983. O primeiro álbum é Script for a Jester's Tear, também lançado em 1983.
      Neste álbum gravado ao vivo, Forgotten Sons, tocaram as seguintes músicas:
      01-Garden Party
      02-Script for a Jester's Tears
      03-Charting The Single
      04-Assassing
      05-Forgotten Sons
      06-Market Square Heroeshttp://radical.flat.twin.over-blog.com/article-radical-playlist-207-46096277.html
      Me desculpem!



      Excluir
  6. Bom dia... Inspirado neste post, o Javanes postou um Fish muito bom, com Steven Wilson (do Porcupine Tree e amigo do Aponcho). Eu tenho um Fish cantando Fearless do Pink Floyd e You Know What I Like, que em breve ponho na roda.

    Eu simplesmente adoro Marillion e o disco Fugazi é uma obra de arte.

    A crítica referida no post é simplesmente ridícula, e a história do Marillion conta isso.

    Obrigado pelo post Gustavo.
    Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  7. Apenas mais uma imitação do Genesis, mas que deu certo.

    Traffic, uma das maiores bandas de todos os tempos, com certeza.

    Não se estressem, críticos são especialistas em falar bobagens, assim como nosso amigo Carlos falou sobre o Traffic. Gosto é igual bunda, cada um tem uma.

    Bom final de semana, galera!

    Pedrinho Peixe

    ResponderExcluir
  8. Fala Pedrinho Peixe,

    Só para saudar sua presença no Boteco, o Traffic também doeu, assim como o The Clash, que gosto prá K7.

    Porém o Carlos pôs o Mostly Autumn em evidência e por isso tem um crédito enorme...

    Abraços a todos

    ResponderExcluir
  9. Outra coisa, falar que o Marillion é a imitação do Genesis, é a mesma coisa que falar que o Black Crowes é a imitação do Led Zeppelin... (hehehe)

    O Marillion inicial tinha um som bem pesado, uns riffs de guitarra típicos do Heavy Metal, letras impressionantes, e o vocal lembrava Peter Gabriel.
    Para mim, a única semelhança com o Genesis, é o vocal de Fish em algumas músicas.
    O Marillion foi uma banda bem aceita no circuito Heavy Metal quando saiu. Nos shows que tenho aqui, vejo a platéia com camisas do Motorhead, Iron Maiden... E o sotaque de lenhador escocês é bem diferente do sofisticado inglês de Peter Gabriel.

    Abs

    ResponderExcluir
  10. Menos, galera. Não conheço o Traffic, fiquei curioso, mas não precisamos brigar em plena postagem dedicada ao Marillion, mas a tribuna é livre, já sei, rs
    Abraços a todos

    ResponderExcluir
  11. Li um comentário publicado no Progarchives, pelo colaborador Maani, que me permito postar aqui:
    If Genesis had never existed, Marillion would have been Genesis. (However, if Genesis had never existed, there may never have BEEN a Marillion. How's that for a conundrum!)

    ResponderExcluir
  12. Este disco do Marillion me traz ótimas lembranças da minha infância do final da década de 80. Muito provavelmente eu escutei esse disco em 1988, me apossando dele – porque era de minha irmã – e ele juntamente com o Alchemy ao vivo do Dires Straits foram o meu Santo Graal que me purificou, me injetou energia e me iniciou de vez no Rock And Roll.

    O Marillion foi a banda dos anos 80 que tiveram mais coragem do que qualquer outra da época, por tentar praticamente sozinhos - eram pioneiros - em dar um novo gás no rock progressivo , estilo praticamente morto no início dos anos 80. Só daí já mereceriam muitos créditos! Tive a sorte de vê-los em ação já com o Hogan no vocal em 97, um showzaço!

    Carlos, quando li suas palavras sobre esses críticos Brasucas dos anos 80, que adoravam punk rock, como o pessoal da Bizz, lembrei da célebre frase de um amigo meu que dizia o seguinte: “Crítico musical é igual eunuco em suruba – vê fazer, aprende como fazer, sabe como é que faz, mas não consegue fazer!” Eu tenho alguns exemplares da Som Três, mas não colecionava ela na época, pois comecei com a Bizz e a Rock Brigade. Mas era de doer ver esses críticos musicais pagando de “moderninhos vanguardistas” tecendo elogios àquela patota punk rock/ pós punk/new wave e descendo a lenha nos dinossauros do rock progressivo! Tão enjoativo quanto isso foi assistir a rock brigade ficar cada vez mais bitolada no Heavy Metal dos anos 80 e 90, e não dando o mínimo espaço às bandas dos anos 70, quem dirá quanto ao rock progressivo?! Eu nos tempos de primeiro e segundo grau de colégio me sentia um ET, pois meus amigos rockeiros liam a Brigade e adoravam aquelas “podreiras” – assim eles chamavam aquelas bandas do começo ao meio dos anos 90 de que a revista dizia a respeito, enquanto eu só queria saber de Rush, Marillion, Deep Purple, Led Zeppelin, Sabbath, Aerosmith, Kiss, Whitesnake, e nenhum ser no planeta queria saber dessa música!
    Esse Paulo Ricardo do RPM era crítico? Meu Deus! Fico imaginando sobre o quê esse cara escrevia...

    Uma vez eu vi essa Ana Maria Baiana dizer que o show do Yes no rock in rio foi igual Goiabada com queijo! Será que de alguma forma ela quis tirar um sarro com o Yes??? Há quem diga que ela era fã de Yes... Sei não heim!

    Abraço a todos e espero ter contribuído com alguma coisa com esses pequenos delírios meus.

    *** Texto escrito ao som do áudio do show do Queen no Hammersmith 24/12/75!

    Luciano


    ResponderExcluir
  13. Esse post está cheio de grandes novidades...Agora temos Ancião e o Véio....essa dupla ainda vai dar muito o que falar....

    Richard, cê lembra quando o Marillion lançou o Script ...na capa do disco tinha um selo gravado "Aprovado Pela Fluminense"...O Genesis da década de 80 acima de tudo foi previsível, e o Marillion inovador, arrojado e deu a cara para bater, porque sabia que os críticos que não tinham o que fazer iriam descer o porrete....

    Quem daqui sabe alguma coisa sobre o fim que levou o os Bauhaus?????? Nem o Eduardo e nem a Mônica......

    Luke, eu sei exatamente o que você quer dizer...primeiro na década de 70 tínhamos a Garota Pop, que esbanjava fotos e futilidades, depois a Bizz, a Roll, a Som Três, onde tudo o que era bicho grilo eunuco, que não sabia tocar e nem cantar, foram se alojando para trabalharem como críticos profissionais remunerados...Onde estão esses caras hoje????

    Eu tenho esse video da Ana Maria Bahiana....ela quis dizer que o Yes fez um show previsível no rock 'n rio...com clássicos do anos 70 e com a clássicos de Trevor Rabin....

    A expressão queijo com goiabada ela deve ter tirado quando publicou com José Emílio Rondeau as 10 maiores Bandas....Na verdade eles é que eram o queijo com goiabada....

    Imagine Paulo Ricardo Medeiros, baixista do RPM como crítico da Som Três....Um verdadeiro paiol de bobagens..

    E por fim, mas não por último, obrigado Javanes pelos links, já estou acessando.....e obrigado também por tentar por um pouco de juizo na cabeça do Pedrinho Fich.

    Pra quem não sabe, o Traffic é uma banda que tem na wickpedia três linhas.....

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Traffic_

    E como eu disse... zero no blog do Dead....Lá Tem Steve Winwood...Mas Traffic........

    Eu gosto do Steve Winwood, e tenho a discografia da banda.....Dizer que são ruins é uma heresia, mas dizer que são melhores que Genesis, Queen, Kiss, Jethro Tull é um heresia muito maior...

    Pois foi justamente no lugar destas bandas que o Zé Emilio e a Bahiana colocaram o Traffic naquela edição....

    Frescurinha de crítico só pra irritar quem entende realmente de música....

    Por isso meu caro Pedrinho Fisch, não precisa surtar, o Traffic é realmente uma boa banda....Mas jamais será melhor que o Rush que também ficou de fora da lista....

    Eu sabia que esse post ia dar caldo!!!!!.........

    Abraço a todos....Já estava morrendo de Saudades...

    Véio....Essa dupla vai dar o que falar...

    Peter Fisch....A música é só uma alegoria...um pano de fundo...relaxa!!!!!!

    The Ancient


    ResponderExcluir
  14. .....Um dia esses caras vão postar o Queen...E quem sabe com um pouco de sorte o Marbles....Richard conta pra eles sobre Invisible Man!!!!!!

    ResponderExcluir
  15. Carlos, obrigado pela acolhida. Nós, anciões da música temos muita história para contar e transmitir a esta Juventude. Contudo, o grande contador de histórias está muito calado... Dead, por onde ande vc?

    abs

    ResponderExcluir
  16. O que esse porra do Anc tem de enfiar o rush na parada?
    PQP!!!!!!!!!!
    Véio gagá, cururu da minha vida pelo amor de Deus, num bgunça mais a bagaça, vc vai dar um nó na cabeça da rapaziada mais nova porra!!!!!!!!!

    Bom, o senhor da verdade chegou, prq se eu comento algo sempre tem aquele que diz: Pronto chegou o sabe tudo, entâo me ferro logo de cara.

    Atenção garotos, amigos e contemporâneos farei uma comparação e leiam antes de qqr crítica; qdo o Carlos "The Magnificent"Santana" (um cara estuprado pelo padrasto aos 11 anos, teve de fugir, caiu no mundo, drogas sexo e r'r e claro woodstock é um monstro sobrevivente e ainda de um coração que não existe e vou explicar) resolveu lançar seus discos Supernatural, Shamam, e Ultra ele pensava nos caras que lançaria como a Michele e os que reviveria e daria nova oportunidade como o Maná, que ouço agora o disco Drama e Luz. Ele deu força pro Rob Thomas, Dave Mathwes, carnaval brazuca e sei lá mais quem que num to com saco de escrever.

    Desceram o pau, desancaram o cara, quem era o Alex Band pra cantar?
    Quem eram aqueles lá com o Santana?

    Mas nem passou pelo cerebro de merda deles que Samba pa Ti só o Jose Feliciano cantou com ele em shows na América Central e show próprio, prq nem ele canta ou deixa alguém cantar em shows dele.

    Voltando ao Maná, eles cresceram, encorparam e fizeram uma turnê do caraco que ng comenta com ginásios lotados e um puta mas um puta som e um show lindo do começo ao fim.

    Críticos de músicas conheci as pencas e garanto que poucos sabem tocar uma nota sequer; e nunca vi um subir num palco pra cantar, tocar ou acompanhar sequer qqr um de seus detratados.

    Eles não eram convidados, ganhavam ingressos as empresas jornalisticas que criaram o nicho de música e mandavam quem tinham pra cobrir e preencher os cadernos de domingo; qtas vezes mandei email pro Inácio da Folha chamando ele de BURRO mesmo prq nem sabia de que falava......

    ResponderExcluir
  17. Bom eu escrevi algumas coisas mas minha internet tá uma bosta e perdi tudo, em resumo, quero ver a cara do Inácio hoje Jonny lang, K W Shepperd, Monster mike Welch e Natan cavaleri que a época ele desancou e esqueceu de Derek Trucks do mesmo tempo.

    Hoje vai dizer que cresceram e o caraco, uma porra ele nem conhecia, eu comprei os discos e ouvi e tenho todos de todos, o Natan só fez um e caiu nas drogas, pena, o Mike tb não virou muito, talentoso mas sei lá, agora peguem a história dos outros 3 e pronto.

    Escrevi pr folha e dedilhei musica por musica de cada albúm que ele criticava, e sabem a resposta?

    Grato pela colaboração!!!!!!!!!!!!!

    uma porra que ia colaborar com um burro daqueles, queria ver ele ter peito de publicar minha critica, e consegui depois de muita briga e ele foi se calando prq abria a boca eu descia o pau.

    GEnte, amigos, Gustavo, poste o que VOCÊ gosta, meninos ouçam o que quiserem e até os Fucking Stones que o Anc desanca se gostarem, quero que ele se lixe, tô ouvindo Sex Machine agora do mestre James Brown e me lixo pra quem gosta ou não.

    A idéia, o mote da opinião anormal desses anormais criados pela plim é válido e dá espaço pra muita discussão, mas tá cheio de gente no horário nobre que dormia no sofá do patrão todo dia e por isso ganharam programas e apresentações prq talento pricas.

    Vc vai confiar em opinião de gente que subiu na vid dando o fiofó?

    Talento uma porra, entender são poucos.

    Marillion tem sua história, como o Genesis e de Genesis não tem nada, nunca teve, tem assinatura própria com o Fish e com o Hogarth.

    Como comecei dizendo, ouçam Maná Drama y Luz ou Santana Supernatural e Shaman e me digam se é ruim; só isso.

    O resto é alegoria e quem é mesmo ana maria?

    O que significa a opnião dela?

    Não entra no esquenta da casé?

    Ou no bbb, ou nas trilhas das novelas das 8?

    Ah bom, ah então não é por qualidade técnica e sim por interesses que não sabemos quais, mas suspeitamos?

    Somos outsiders, mas não sou burro, e desafio qqr crítico a tirar uma nota do que critica e ponto final.
    Enjoy!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  18. Meu Caro Lobo.............Hoje somos o Fradim 7, o Pasquim, o Planeta Diário.....Mas não será sempre assim....a alienação somada com a burrice também tem limite....Um dia acaba.....

    Queridos Capitães e Navegantes...Vejam quanto que o Dead escreveu...quantas coisas importantes ele disse....Mas em nenhuma linha do que ele postou, eu vi a palavra Traffic...

    Entenderam o que eu quis dizer?????

    Véio...Você invocou e o Dead apareceu!!!!!

    Nem eu consegui tal façanha!!!!!!!!!!!!

    The Ancient

    ResponderExcluir
  19. Anc, numseinão.....acho que você vai dar origem a uma postagem do Traffic no SM...
    Abraços a todos!

    ResponderExcluir
  20. Caraca a bagaça da minha internet só Deus prq aqui na terra nego já tá em 10 g e eu a lenha, pqp.....deixa de ser ciumento seu ancião cururu, eu nem tinha acabado minha explanação e deu pau, vc acha que só escrevo isso?

    Cara as vz eu não te entendo, acho que vc faz de propósito como disse pra Lucy, pra que discutamos, surjam informações e etc e tal prq pqp o Ricardo tem razão, não é possivel ler de sua sapiência quem é o Traffic?

    Porra, os ícones de nossa geração nós defendemos aqui, TRex com Mack Bolan, Grand Funk Railroad, The Who(uma mer...mas tem história, num gosto mesmo, mas eu que vou dizer que não são bons? eu não) Iron Buterfly,Don Cornélius e sua Soull Train (já tenho os 09 dvds graças ao DÊ um dia vai)Cream e etc e tal e vc me esnoba o Traffic do Jim Capaldi???????????????????? que tocou com Hendrix, Clapton, Alvin Lee e sei lá mais quem, será prq era ruim ou fizeram favor pra ele?

    Não, ele se fez com o Traffic que foi formada no início de 1967 por Steve Winwood, Chris Wood e Dave Mason.

    Mais de 15 lps comuns, 10 compilções e eps fora os shows, via ver no youtube vai seu gagá, mas tb quem compara Rush com Cream agora vai torrar meu saco de Marillion com Traffic.....´pqp ele faz uma salada em qqr comentário que entre meu pi do céu.

    ANCIENT!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Alhos com buglhos amor, num ford....rs

    Traffic foi uma de minhas maiores referências musicais e se vc perceber a levada do Ian Paice vc vai ouvir a base do Capaldi, ele é referência ate pro seu Neil Peart catso....e vc aí de cururu jogando casca de amendoim!!!!!!!

    O véio é meu chegado Anc, tva com saudades dele prq sumiu, achei que tb tinha brigado comigo prq nem sei com quem briguei mais, re,re,re e aí calhou deu vir ver o que rolava prq me perdoem saltei o post abaixo prq aí o inferno de dante viria pra cima de mim, então com net uma merda e esperando outra postagem pra torrar o Gustavo, deu no que deu.

    Aliás que frescuraiada do tal do Gustavo heim?
    Teve uma sei lá o que no brço (ele e o lula rs) e aí num podia vir muito e titititi, ah meu deus o sucesso é uma merda mesmo qdo sobe na cabeça, daqui a pouco num vem prq pintou as unhas,há,há,há essa até eu gostei!!!!!!!!

    Volatando ao Traffic.....

    ResponderExcluir
  21. Voltando, ô tecladinho de merda sô.....Olha só:


    "Traffic were an English rock band whose members came from the West Midlands.

    The group formed in April 1967 by Steve Winwood, Jim Capaldi, Chris Wood and Dave Mason.

    They began as a psychedelic rock group whose early singles were influenced by The Beatles,[citation needed] and diversified their sound through the use of instruments such as keyboards like the Mellotron, reed instruments, and by incorporating jazz and improvisational techniques in their music.

    Their first three singles were "Paper Sun", "Hole in My Shoe", and "Here We Go Round the Mulberry Bush".

    After disbanding in 1969, during which time Winwood joined Blind Faith, Traffic reunited in 1970 to release the critically acclaimed album John Barleycorn Must Die.

    The band's line-up varied from this point until they disbanded again in 1975, although a partial reunion, with Winwood and Capaldi, took place in 1994.

    In 2004, Traffic was inducted into the Rock and Roll Hall of Fame.

    Qqr dúvida amigos os Valvulados desmiolados (com carinho heim?) traduzem aí ok? Tá Anc.

    Pr fechar só quem passou pela banda:

    Steve Winwood
    Jim Capaldi
    Chris Wood
    Dave Mason
    Jim Gordon
    Ric Grech
    Rebop Kwaku Baah
    David Hood
    Roger Hawkins
    Barry Beckett
    Rosko Gee
    Randall Bramblett
    Michael McEvoy
    Walfredo Reyes, Jr.

    Por hoje é só pessoal!!!!!!!!!
    Enjoy!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  22. O Dead só achou informação do Traffic em Inglês hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha.....espera um pouco...hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaahahaa........

    Sorry Dead

    ResponderExcluir
  23. .......Vê se tem no Uol Musica hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahhaahahahahahh..............

    ResponderExcluir
  24. IMPORTANTE....INFORMO A TODOS OS CAPITÃES E NAVEGANTES,QUE ACHAM QUE SOU UM ANCIÃO BARBUDO SOTERRADO NA DÉCADA DE 70 POR UMA MONTANHA DE DISCOS DO YES, QUE ACABEI DE MUDAR O TOQUE DO MEU CELULAR PARA FUNKY SHIT DO PRODIGY....

    O OUTRO TOQUE CONTINUA SENDO "A DISSERTAÇÃO DO PAPA.."DO TITÃS...

    P,S SÓ PRO DEAD.. hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha......Pergunta pra Bahiana...ela deve ter informações em português hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha

    ResponderExcluir
  25. Carlos, corre: http://www58.zippyshare.com/v/46670672/file.html

    Daqui a pouco apagam.,..

    ResponderExcluir
  26. Derek and The Xadrez(Claptonmaniáco)7 de junho de 2013 19:36

    Marrilion é nome de sapatão.Traffic, nem de droga é aconselhável. Clash é uma explosão deplorável! Dead or Alive é uma das piores coisas do mundo musical.Genesis teve um começo, e um terrível fim. Sex Pistols só para gays insaciáveis.
    Bauhaus, até que desce com um refri de laranja.
    Rush, na minha pressa, vou escutar Led Zeppelin.
    Yes, drama, sem Jon Anderson, no no no...
    Nazareth, a minha namorada mais gostosa(que saudade!).
    Pink Floyd, só com Syd Barret, R. Waters, Nick Mason e Rick Wright , David Gilmour juntos, cantando Seamus, os cinco, sem bateria, os latidos por conta do Seamus(o dog) e do Syd e Nick.
    Deep Purple sem o irascível guitarrista principal, melhor o código Morse!

    E o mundo do rock, só resume a só isso, sem Suiça, Suécia, Holanda, Alemanha, País de Gales, Noruega, Dinamarca.
    É isso aí, bacanas!

    ResponderExcluir
  27. Tudo passa e nada fica.

    ResponderExcluir
  28. O cururu foi só pra te zoar e me desestressar prq o que eu perdi foi o que eu escrevi sobre o trafic seu véio gagá..........ai meu saco,,,,,,,,,,,,,Enjoy!!!!!!
    Tá doido mesmo

    ResponderExcluir
  29. Meu caro Nelson....em primeiro lugar Muito Bem Vindo à esse humilde Buteco,,,,,,Saudações coletivas!!!!!!

    Em segundo suas palavras embora econômicas estão cheias de sabedoria,,,,,,

    Garanto que esses links estão passando com a velocidade da luz, sem deixar o menor vestígio.....Porra Lembrei o nome do filme...Deixados Para Trás,,,,,,

    Ao Véio e ao Valvulado eu repito as mesmas palavras que deixei no blog do Valvulado:

    DECLARO A PARTIR DE HOJE A QUEM POSSA INTERESSAR QUE O VÉIO PASSOU PARA A CONDIÇÃO DE MEU MENTOR VIRTUAL...UM ORÁCULO PROPRIAMENTE DITO.....

    E QUE O VALVULADO DEPOIS FEPOIS DE ME DEFENDER NO BUTECO, DO LINK DO DEEP PURPLE E DESSA ODISSÉIA PARA DISPONIBILIZAR O CD DO SABBATH, PASSA A SER MEU PROTEGIDO VIRTUAL,,,,,

    POR ISSO, MUITA ATENÇÃO COM O QUE ESCREVEREM NESTE BLOG....


    VAL....VÉIO....CEIS SÃO DUKARLHO!!!!!!!!!!

    GOD BLESS YOU

    humildimente,,,,,ancient...

    P.S....a hora que o Dead ler o que escrevi acima do Traffic to phudido até à tampa......Mas sempre foi assim...ele chuta a minha bunda e eu a dele....

    ResponderExcluir
  30. E aí, Srs do Boteco. Temos que fazer um post do Traffic, The Clash e outro de Peter Gabriel x Fish. Vamos providenciar.
    Caro Carlos, obrigado pelas considerações e o boteco é uma grande inspiração, concordo com o titulo Mestre Cervejeiro.
    Dead, vamos fazer um post conjunto do Traffic e resgatar esta banda?

    Abs a todos... Ficarei fora esta semana, mas volto na semana que vem.

    ResponderExcluir
  31. Ancião pronto pra tomar porrada.........

    ResponderExcluir
  32. Prezado Pirata

    Essas linhas são para você....

    Garanto que o Mano Véio nunca deletou um coment sequer deste Buteco, e como afirmei no Som Mutante, aqui não existe rasgação de seda, mas um respeito e amizade muito grande das pessoas que se habituaram a usar este espaço para expressar suas opiniões.

    Leia com mais atenção as linhas de discussão que são publicadas aqui, e você verá que nem tudo é mar de rosas...tivemos muitos conflitos a neste espaço...Mas sempre com retratação quando extrapolados..

    O Gustavo merecidamente atingiu uma marca fantástica com um post de bandas dos anos 80. em um blog onde predomina o Rock Progressivo, isto deve ser considerado e respeitado.

    Esse espaço recebeu todos de braços abertos...Eu como colaborador - por crença e amizade - tenho recebido com muita alegria as pessoas que aparecem aqui pela primeira vez...Veja mais acima neste post mesmo!!!

    Hoje de manhã fiz uma postagem de mais de uma página no Valvulado que foi publicada e desapareceu, e isso aconteceu por algum problema de rede...

    Porque os Caras lá são sérios..como você pode censurar um comentário publicado em tempo real..eu fiz o teste e foi exatamente isso que aconteceu.

    Pela história que você tem com o Dead, acho que tem direito de expressar seu pensamento em relação à postura dele no blog...Mas nesta casa aqui você infelizmente fez um julgamento errado.

    Participa mais...contribua mais....este espaço é aberto, e se ler com mais atenção, verá que a média de cometários aqui é de 20 pra cima...Ninguém aguenta ficar rasgando seda em um post de 50 comentários..Se duvida do que estou falando leia todos do Projeto Colossus do H.P. Lovecraft....Não é verdade Lucy????

    Quando um cara é integro e correto, ele não precisa se defender...Tem quem faça por ele.

    Abraço

    The Ancient...Mestre Cervejeiro do Buteco

    ResponderExcluir
  33. O Pirata é o cara Anc, nosso irmãozinho mais novo, ele é nossa linha, neguinho tachava o pau nele, e advinha de que lado fiquei?
    ré,ré,ré
    Eu conheço sim e tem um grande coração senão prq falar ou reclamar se não houvesse em 1º interesse no que ocorreu, ou seja, aquele blog que meu irmão vai não me quer?
    2º Porra vou lá escrevo e deletam? Tô participando caraca..
    e 3º é um saco mesmo um dia escrevi uma odisséia e pricas, até falei com o Gustavo, aliás ele não sara mesmo ou a preguiça não deixa ele aparecer e fica só na beira da piscina de hobbie azul turqueza?
    Enjoy irmaõ, grato pelos comentários, cuidado não sou bom ,já disse que sou ruim, to tentando melhorar mas mas vc sabe o que é isso prum lobo?
    Bjs
    Enjoy!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  34. Amigos,

    Diversos comentários foram transformados em SPAM pelo blogger, inclusive o do chorão do "Pirata do Rock" na postagem dos ANOS oitenta......

    Só nesta postagem aparaceram uns seis comentários novos...

    apenas para lebrar: "AQUI NÃO SE DELETA COMETÁRIOS!!!!", mesmo quando o cacete está comendo, pois não há censura prévia......

    Abraços,

    Gustavo

    ResponderExcluir
  35. O blog do Dead tem censura prévia..............

    ResponderExcluir
  36. O Nome do Fisch do Marilion não é Dereck????

    Uma namorada que chama Nazareth não pode ser gostosa...Se eu tivesse uma com esse nome eu também mentiria pra todo mundo...

    Tem coisa muito pior fora do mundo musical...

    Xadrez não combina com nada no mundo do Rock, nem aqui, nem Suiça, Suécia, Holanda, Alemanha, País de Gales, Noruega, Dinamarca.

    Meu prato preferido é frango Xadrez....já comi muito!!!!

    Saudações a Todos deste Humilde Mestre Cervejeiro!!!!

    P.S. Dentro de um Buteco, ninguém mija onde todos bebem...Melhor perguntar onde fica o banheiro....

    ResponderExcluir
  37. Véio...Meu Caro Grão Vizir...escrevi hoje no Valvulado duas páginas sobre Peter e Fisch...Mas deu pau no blog e não foi publicado....

    Cê tem razão quanto ao Buteco é um Lugar du Caralho...Mas a sua casa também é....E isso não é rasgação de seda!!!

    E que venha o Traffic....

    Abraço do Ancião

    ResponderExcluir
  38. Aconteceu algo no Valvulado, os comments não estão sendo publicados...

    ResponderExcluir
  39. Estavam no SPAM (thanks Gustavo).

    Caro amigo Pirata, creio que os seus contatos foram apagados por serem considerados SPAM (não sei por que). Vc é um cara respeitado e admirado. Todas as suas últimas postagens são raríssimas e creio que todas mostram os anos oitenta do pop ao underground . O boteco não é meu, mas creio que somos todos muito benvindos... Ainda mais vc, que tem um dos melhores blogs...

    Abs meu chapa.

    ResponderExcluir
  40. Véio Cê tem razão.....Todos serão sempre muito bem vindos!!!! Vou torcer para vocês recuperarem meu coment.

    Abraço

    Ancient

    ResponderExcluir
  41. OLHEM SÓ O QUE EU ACHEI FUÇANDO A NET!!!! O ANCIÃO MATA A COBRA E MOSTRA O PAU...

    http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-484876049-revista-somtrs-as-melhores-bandas-de-rock-_JM

    The Ancient.....agora By Night

    ResponderExcluir
  42. Obrigado ao Gustavo por citar o Fishheads Club Brazil. Somos o Fã-clube OFICIAL do Fish no Brasil. Gostaria de convidar a todos a conhecer o nosso grupo e acompanhar as novidades do Fish: carreira, agenda de shows, planos para o futuro, etc... https://www.facebook.com/groups/fishheadsclubbrazil/

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails