22 de out de 2011

V. A. - "Knebworth 1990"

Se tem um festival de rock que foi elencado por uma verdadeira legião de "Lendas do Rock", sem dúvidas alguma foi o “Knebworth”, edição de 1990, acontecido na cidade de mesmo nome na Inglaterra. 

E quando falo em Lendas do Rock, é porque são Lendas mesmo e graças aos "Deuses da Música", são “Lendas Vivas”, pois lá estivam, Eric Clapton, Elton John, Paul Macartney, Dire Straits, Jimmy Page, Robert Plant, Pink Floyd, Genesis, Status Quo, Cliff Richards and the Shadows e o Tears For Fears que na época não eram tão “Lendas” assim, mas que tiveram seu nome muito bem gravado nos anos oitenta e noventa. 

Eric Clapton
Festival de rock é isso aí, tem que ter Rock, e do bom, não tem que ter enrolação, pode-se misturar vertentes e tudo mais, mas no cenário rock, que pode ser pop, hard, progressivo ou qualquer outra modalidade, que o resultado será sempre muito positivo. 

Esta edição do “Knebworth” é um bom exemplo, pois foi prenchida com nomes de expressão e artistas de primeira grandeza, para juntos celebrarem um mágico encontro em favor da “Nordorff-Robbins Music Therapy Centre”, que é um Instituto que dá assintência a crianças deficientes e para o “Instituto Educacional - BRIT – Britsh Record Industry Trust” de Arte e Tecnologia. 

David Gilmour
Este show reuniu cento e vinte mil pessoas diante de um time de feras que mostrou o que é um evento voltado para o Rock, tendo em vista que músicas legendárias foram apresentadas por seus emblemáticos criadores, pois não é todo dia que se pode ter a sua frente, um Pink Floyd executado “Run Like a Hell”, ou mesmo ver lado-a-lado Eric Clapton com Mark Knopler executando, “Money for Nothing” ou quem sabe ainda, Paul Macartney, "Lenda" em pessoa, apenas por sua presença já hipnotiza e quando resolve cantar, o resultado é sempre o mesmo, leva todos ao delírio e com “Hey Jude” não foi diferente, ou seja, um  show como este, é pura hipnose, magia, loucura e o principal,  "zero grama de drogas", que maravilha, viva o Rock. 

Paul Maccartney
E mesmo quem apareceu já muito desfigurado, como o caso do Genesis ou da dupla “Page e Plant” que de certo modo não fizeram  alusão a legenda do "Led Zeppelin", também deixou uma impressão excelente, pois afinal de contas, eles fizeram parte da vida de várias gerações e até hoje quando se apresentam, um forte sentimento bate dentro de cada fã.


Vale ressaltar também a participação de Elton John, uma figura muito querida no meio artístico e por sua imensa legião de fãs, assim como o “Staus Quo” e “Cliff Richards and the Shadows” que têm seu público cativo e finalmente o “Tears For Fears”, que tem uma das mais belas e potentes vozes da música, na figura do jovem Roland Orzabal

O “Knebworth”, edição 1990, é uma diversão garantida para tudo quanto é tipo gosto, pois têm uma diversidade muito grande de artistas e músicas que há muito tempo são a trilha sonora das nossas vidas. 

ALTAMENTE RECOMENDADO!!!!

Bands and Musicians:
Pink Floyd,
Paul McCartney, 
Mark Knopfler, 
Eric Clapton, 
Elton John, 
Phil Collins and Genesis, 
Robert Plant and Jimmy Page,
Cliff Richard and The Shadows,
Status Quo,
Tears for Fears,

Tracks:
Volume 1:
Tears for Fears:
Change
Badman’s song
Everybody wants to rule the world
Cliff Richard and The Shadows:
On the beach
Good golly Miss Molly
We don’t talk anymore
Phil Collins and the Serious Band:
In the air tonight
Sussudio
Paul McCartney:
Coming up
Birthday Hey Jude
Can’t buy me love

Volume 2:
Status Quo:
Whatever you want
Rockin’ all over the world
Dirty water
In the army now
Eric Clapton:
Before you accuse me
Tearin’ us apart
Dire Straits Mark Knopfler:
Solid rock
Think I love you too much
Money for nothing
Elton John:
Sacrifice
Sad songs

Volume 3:
Robert Plant:
Hurting kind
Tall cool one
Wearing and tearing
Rock and roll
Genesis:
Mama
Throwing it all away
Turn it on again medley featuring Turn it on again
Everybody needs somebody to love
Reach out, I’ll be there
Pinball wizard
In the midnight hour
Turn it on again (reprise)
Pink Floyd:
Shine on you crazy diamond
Run like hell


LINK

"Run like a Hell"

"Money for nothing"

"Rock and roll"

"Hey Jude"

5 comentários:

  1. o Querido irmãozinh,,,,,

    A Edição de 1990 do Festival de Knbeworth só serviu para provar o quanto a década de 80 foi inexpressiva no cenário musical....Veja que o set list dos artistas que ali estiveram foram os grandes nomes das décadas de 60 e 70...O único nome que aparece alí que representa a década de 80 é o de uma banda que emplacou três ou quatro hits..Muito pouco comparado com a "usina" de hits chamada Paul MacCartney...

    U2, Smiths, Simple Minds, The Cure, A Ha, Echo and The Bunnymen, Bauhaus...Onde estavam estes caras????? Na hora do "vamo vê" quem os organizadores chamaram????, Os mesmos dinossauros que seguraram a onda do Live Aid - faltou apenas o Queen ( por razões obvias).

    Se no Brasil pelo aspecto econômico a década de 80 ficou conhecida como a década perdida...No cenário Musical a década de 80 sepultou tudo o que existia de inteligencia, criatividade, arrojo, experimentalismo e irreverencia no Rock...A morte de Fredy Mercury foi a pá de cal...

    Seu post é de grande valia para que os mais jovens reflitam sobre os caminhos que o rock tomou...

    Viva o Lemmy que com seus sessenta e poucos anos detonou no Rock in Rio...Será que daqui a 30 anos as bandas que tocaram ali representando o som do novo milênio terão folego ou gas para fazer o que o Motorhead fez neste festival????

    Duvido!!!!!!!!

    Seu port tem um valor muito maior do que o conteúdo musical, é muito mais que diversão garantida...Ele nos leva a profundas reflexões sobre o que é realmente bom e o que é descartável...

    Abraço...Força...Sucesso!!!!!

    Carlos "The Ancient"

    ResponderExcluir
  2. Compartilho o mesmo pensamento. Apesar de não lembrar de nada,a década de 70 e final dos 60 serão para sempre insuperáveis! -- Luciano

    ResponderExcluir
  3. Meus amigos,

    A bem da verdade a postagem teve o objetivo de fazer um contra-ponto com este último Rock I'n Rio sem que eu fosse muito explícito,pois para mim foi a pior edição de todas.....

    Quanto a década de oitenta, musicalmente foi uma lástima, pouca coisa aconteceu....

    o surgimento de bandas como o Pendragom, IQ, Marillion e algumas outras, não deixaram a década passar em branco..... no mais, foi um fiasco....

    Abraços a todos,

    Gustavo

    ResponderExcluir
  4. Este festival de 1990 teve uma das melhores apresentações ao vivo da banda inglesa Tears For Fears que vendeu mais de 16 milhões de cópias no Mundo todo. (muito mais que Smiths e Cure)E pôs mais de 10 músicas nas FMs. Tem o belíssimo solo de Roland Orzabal com sua voz potente na música badman's song.
    Publio - RJ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Publio,

      O "Tears For Fears" foi uma das poucas bandas da década de oitenta que realmente fizeram um "nome", em cima de um trabalho consistente e de alto nível musical, principalmente pelo inegável talento de Roland Orzabal....


      Abraços,

      Gustavo

      Excluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails