26 de mai de 2011

PINK FLOYD - "The Sixth German Show" - 1981

Às vezes eu fico me perguntado, porque ouvir tantas vezes uma determinada música e nunca se encher dela e o pior de tudo é que eu não consigo chegar a uma conclusão que satisfaça a essa difícil equação. 

A única coisa que consigo determinar é que o tipo de música que eu gosto de escutar, não é do tipo descartável, pois não está presa a modismos, aliás, ela ignora completamente e segue em frente com pequenas alterações, mas sem perder a essência de sua alma. 

Logicamente eu só poderia estar me referindo ao rock progressivo, pois mais de quatro décadas após a sua criação, continua mais vivo do que nunca, na ativa, com velhas e novas bandas que encantam por onde passam, mesmo que suas formações não sejam as mais clássicas, tendo em vista que a hipnose doida continua a mesma. 

Eu não lembro se foi em 2000 ou 2001, quando o Yes apresentou-se em São Paulo, grande parte do público que lá esteve simplesmente lotando o “Olympia” da Rua Clélia, e que se via, eram jovens que estavam acompanhando seus pais e literalmente entraram e uma catarse coletiva alucinante e inesquecível, diante das antigas músicas.

Yes que se apresentava com uma importante ausência, a de Rick Wakeman, substituído pelo alcoólatra, Igor Korochev, que até não se saiu tão mal e, mesmo assim foi muito gratificante ver que a música, jurássica para muitos, levando ao delírio, o jovens que em muitos casos estavam tomando conhecimento do que era a música do Yes pela primeira vez. 

Isto tudo apenas para chegar a uma apresentação tão sonhada que nunca tivemos em solo tupiniquim, ou seja, um show do Pink Floyd, apesar de que Roger Waters já esteve mais de uma vez no Brasil, sendo que da primeira vez eu estava presente e foi simplesmente inesquecível, imaginem o que seria ver um Pink Floyd completo, com Roger Waters é claro. 

Entendo que é um desejo um tanto utópico para os dia de hoje, mas sonhar não custa nada e enquanto este sonho não se realiza, vamos nos contentando com este bootleg, "The Sixth German Show" que registra a passagem do Pink Floyd pela Alemanha em fevereiro de 1981, trazendo em sua bagagem o álbum “The wall” na íntegra. 

O legado deixado pelo Pink Floyd ao longo de todos este anos, sempre foi e sempre será, um irresistível convite ao convívio com uma música de vanguarda, que independente do tempo em que foi criada, jamais trará aquele sentimento de naftalina, provocado quando uma música não é dotada de um DNA tão forte e sadío, quanto o que aqueles cinco rapazes, sim, cinco mesmo, pois não podemos deixar Sid Barrett de fora do elenco, pois seria uma grande injustiça, doaram todo o seu talento às suas músicas. 

Finalizando, a qualidade da gravação está perfeita, as músicas estão melhores ainda e os músicos então, nem se fala, equipe completa, portanto mãos à obra e som na caixa, porque o show já vai começar, basta dar um click no “play” e pronto, a viagem já começou. 

ALTAMENTE RECOMENDADO!!!

MUSICIANS:
David Gilmour
Nick Mason
Roger Waters
Richard Wright.

TRACKS:
Disc 1
01. Master Of Ceremonies
02. In The Flesh?
03. The Thin Ice
04. Another Brick In The Wall (pt. 1)
05. The Happiest Days Of Our Lives
06. Another Brick In The Wall (pt. 2)
07. Mother
08. Goodbye Blue Sky
09. Empty Spaces
10. What Shall We Do Now?
11. Young Lust
12. One Of My Turns
13. Don't Leave Me Now
14. Another Brick In The Wall (pt. 3)
15. The Last Few Bricks
16. Goodbye Cruel World

Disc 2
01. Hey You
02. Is There Anybody Out There?
03. Nobody Home
04. Vera
05. Bring The Boys Back Home
06. Comfortably Numb
07. The Show Must Go On
08. Master Of Ceremonies Intro
09. In The Flesh
10. Run Like Hell
11. Waiting For The Worms
12. Stop
13. The Trial
14. Outside The Wall

LINK

"Run Like Hell"

"Another Brick In The Wall (pt. 2)"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails