31 de mar de 2010

BBB10 - "O Big Brother da Diversidade"

Foge muito do perfil deste blog estar reservando um espaço para fazer uma (breve) longa resenha sobre a trajetória e a final de um BBB.

Mas assistir a várias edições e a final (assisti mesmo e considero um verdadeiro babaca quem vê e diz que não assiste), não dá para ficar calado.

Escolhidos a dedo por Boninho e equipe, os "astronautas da nave louca" como bem diz Bial, fizeram seu papel de forma exemplar, todos sem exceção, pois até os mais medíocres que foram eliminados no começo foram super competentes.

Teve de tudo, a começar pelo apresentador que nesta edição estava bem soltinho "cheio de piadinhas eróticas" (Bial); viado velho  "drag-queen pós terremotos" (Dicezar); bichinha nova "perdidinha" (Serginho); policial militar "tarada" (Anamara); jornalista lésbica "bonita e gostosa" (Angélica); dançarina de descendência Libanesa "linda, gostosa e chorona" (Lia); ex-BBB e  lutador pit-bull de profissão (Dourado); ex-miss e ex-BBB de profissão "essa é "EX" de tudo" (Josiane); professora e DJ "completamente perturbada" (Elenita); engenheiro, porco e retardado (Eliezer); promotora de eventos "haja bunda num só corpo" (Claudia); dentista e baladeira "depois que levou um pé na bunda do namorado ficou tarada também, só que por um viado!!!, essa eu não entendi" (Fernanda); publicitária e mãe desnaturada "não falou da filha uma só vez" (Tessália); advogado e "pit-bull mané nas horas vagas" (Alex), estudante de direito "mosca morta" (Marcela); ator?? e barman "barata tonta" (Uilliam, podem acreditar é com "U" mesmo, merece ir para o Aurélio); personal trainer "bobalhão" (Cadu) e o mais incrível , um judeu produtor de sites adultos "deve ser de putaria da braba" (Michael).

Esse time é imbatível, é como se fosse a seleção da copa de 1970, não tem igual, ganhou de todas as edições anteriores de goleada.

O resultado final foi muito bom (Dourado o vencedor!!) e a rigor qualquer um que levasse a bolada estaria representando muito bem a edição deste BBB.

Boninho você é foda (não tem outro termo)!!!!! Com um time desses, mais de 150.000.000 de votos na final foi até pouco. Parabéns mesmo!!!! Você e a Globo se superaram mais uma vez!!!! Fico imaginando como vai ser difícil montar o elenco do  próximo BBB.

Como sugestão, você poderia reunir alguns políticos (já imaginou quanto conchavo e falcatruas ao vivo), militares aposentados (de preferência da época da ditadura); alguns ex-presidentes (pode ser com 10 ou 9 dedos na mão, tanto faz ), Silvio Santos (o verdadeiro), o Datena (as brigas estariam garantidas), o bispo Edir Macedo (vai construir na 1ª semana um templo para 5.000 fiéis), o Faustão (o loco); o Luciano Huck (não ia faltar nariz); a Hebe Camargo (afinal tem que ter pelo menos um representante do bem) e tantos outros. Nossa é tanta gente boa que fica difícil escolher!!! Boa sorte!!!     

30 de mar de 2010

YES - "Yes"

A banda foi formada em 1968, tendo seu primeiro álbum editado em 1969 em uma época com os Beatles em desarmonia, mas vivos ainda, eles tiveram a coragem de colocar no lado "A"do LP de estréia de nome homônimo, "Every Little Thing" com uma roupagem totalmente diferente do original.

Era o início de tudo e o resultado deste ato de bravura traduziu-se em quarenta e dois anos de estrada, com entradas e saídas de diversos membros do grupo, algumas paradas para recuperar as energias, mas acima de tudo, vivo até hoje.

Sempre composto pelos melhores músicos em suas diversas formações, com raríssimas exceções, o YES venceu a barreira do tempo, das tendências musicais que como ondas que vem e passam, muitas vezes levando tudo o que há em sua frente.

Até mesmo a barreira do preconceito musical teve que ser vencida por insistir em produzir músicas que não se enquadravam aos novos perfís das gravadoras, das rádios FM's e mais recentemente das MTV's espalhadas pelos cinco continentes.

Sempre produziram músicas de longa duração e temática muito complexa fugindo totalmente do modelo da música descartável, curta, sem conteúdo, se possível com uns três acordes diferentes no máximo. Eeeeca!!!

Depois de mais de quarenta anos de estúdio e palco, falar ainda alguma do YES torna-se totalmente desnecessário. Provavelmente tudo já foi dito.

A intenção deste post é iniciar uma série com todos os álbuns de estúdio e gravados ao vivo contando sempre alguma curiosidade ou fato que tenha envolvido a sua criação.

A formação da banda para o álbum de estréia contou com Jon Anderson nos vocais, Peter Banks nas guitarras, Tony Kaye nos teclados, Chris Squire no baixo e Bill Bruford na bateria.


"Yes -  Every Little Thing Live Beatles Cover"

29 de mar de 2010

FISH - "Vigil in a wilderness of Mirrors"

"Vigil in a wilderness of Mirrors" foi o primeiro trabalho de Fish após sua saída do Marillion em 1988. Este álbum foi gravado em 1989 e somente lançado em 1990 para desespero e agonia dos fãs. Alguns singles como "State of Mind"; "Big Wedge"; "A Gentleman's Excuse Me" e "The Company" foram lançados 1989 e sinalizavam o rumo que ele estava tomando.

Na verdade foi feito desta forma para que não houvesse um choque de interesses com o lançamento simultâneo de "Vigil in a wilderness of Mirrors" com o "Seasons End" do Marillion com seu novo vocalista Steve Hogarth.

Neste primeiro trabalho de Fish, houve uma mescla de estilos musicais variando do Pop ao Rock Progressivo, o que já era de se esperar. A saída de Fish do Marillion deu-se por conta da vontade que tinha de abandonar um estilo rígido e compor músicas com temáticas mais leves e ritmos variados.

Para isso, veio acompanhado de um velho companheiro da fase pré-Marillion, Frank Usher nas guitarras; John Giblin no baixo; Mickey Simmonds nos teclados; Mark Brzezick na bateria; Hal Lindes guitarras e mais uma penca de convidados.

Set-list:
1."Vigil" (Dick/Simmonds) - 8:43
2."Big Wedge" (Dick/Simmonds) - 5:19
3."State Of Mind" (Dick/Lindes/Simmonds) - 4:42
4."The Company" (Dick/Simmonds) - 4:04
5."A Gentleman's Excuse Me" (Dick/Simmonds) - 4:15
6."The Voyeur (I Like To Watch)" (Dick/Simmonds) - 4:42
7."Family Business" (Dick/Lindes/Simmonds) - 5:14
8."View From The Hill" (Dick/Gers) - 6:38
9."Cliché" (Dick/Lindes/Simmonds) - 7:01

Vigil in a wilderness of mirrors

"View From The Hill"

27 de mar de 2010

RENATO RUSSO - "Ícone de uma geração estaria completando 50 anos hoje"

Hoje é um dia importante não só para o rock brasileiro, mas para todos os brasileiros, pois estaria completando 50 anos, Renato Russo, líder da Legião Urbana, compositor, poeta, baixista, mas principalmente um ícone de uma geração pós ditadura. Era a imagem da rebeldia, que por muito tempo foi reprimida pela era dos cassetetes.

Com letras diretas e sem meias palavras, músicas como "Geração Coca Cola"; "Faroeste Caboclo"; "Que Pais é esse" e "Perfeição" eram no mínimo uma trombada na cabeça de qualquer alienado.

Com certeza ele faz muita falta!!!

Mas hoje não deve ser um dia para ser lembrado com tristeza, mas um dia de reflexão para tudo que está acontecendo em nosso país, com falcatruas cometidas por Governo e Partidos de Oposição sendo reveladas quase que diariamente e ver que a obra deixada por Renato Russo não morre nunca.

Tudo o que está acontecendo agora, já estava previsto em suas músicas e o que ainda nem aconteceu também estará

Sua obra é eterna, o tempo encarrega-se de atualizá-la sempre que é necessário, pois ela foi fruto de uma mente visionária.

Renato Russo não está mais presente fisicamente entre nós, mas sempre estará presente no inconsciente coletivo de quem viveu a sua época e daqueles que vieram depois dela e curtem suas musicas até hoje.

Mas acredito que ele não esteja só neste momento, muito pelo contrário, está acompanhado de figurinhas como Cazuza, Cássia Eller, Vinicius de Morais, Raul Seixas, Elis Regina, Tom Jobim, Cartola, os birutas dos Mamonas Assassinas e muitos outros que se foram e que neste momento estão em algum "boteco do além" comemorando muito.

O "Ministério do Rock" adverte: Escutar este vídeo muito baixo faz mal a saúde!
     

26 de mar de 2010

O TERÇO - "1974"

O Terço, fundado no final dos anos 60, teve seu primeiro trabalho gravado em 1970, na época influenciados pelo folk, rock anos 50 e a musica clássica.

Poucos anos depois a banda seguindo as tendências mundiais, principalmente as que vinham da Inglaterra, o grupo começava a dar os primeiros passos em direção ao rock progressivo.

Em 1973 eles lançaram o álbum "Terço" onde uma longa suíte com seis temas chamada "Amanhecer total" tendo a participação especial de Luis Paulo Simas nos teclados e Patrícia do Valle nos vocais para acompanhar o trio formado por Sérgio Hinds nas guitarras, Cezar de Mercês no baixo e Vinícius Cantuária na bateria formavam o Terço.

O auge disto tudo culminou com a suíte "1974", totalmente instrumental, com aproximadamente uns 12 minutos de execução, composta por nada menos que Flávio Venturini que futuramente viria a fazer parte de outra super banda brasileira, o 14 Bis. O álbum "Criaturas da noite" gravado em 1975 que trás "1974" e outros hits conhecidos como "Hey amigo" e "Queimada" contou com a participação de Sérgio Hinds, Sergio Magrão (baixo); Luis Moreno (bateria) e Flavio Venturini (teclados e viola).

O vídeo abaixo dividido em duas partes com a apresentação de "1974" foi gravado no Palace SP em 1994, sob a regência do Maestro Julio Medaglia e a participação especialíssima da "Orquestra Sinfônica Jovem do Estado de São Paulo" que junto com os integrantes do Terço (Sérgio Hinds, Luis De Boni, Andrei Ivanovic e Franklin Paolilo) formaram uma única banda. Os arranjos sinfônicos foram feitos pelo Maestro Rogério Duprat.

Parte 1

Parte 2

Um agradecimento todo especial ao "Iluminado Desconhecido" que postou este vídeo no Youtube.

25 de mar de 2010

ILUVATAR - "Children" - 1995

Mais uma banda de rock progressivo, que tem seu nome baseado nas obras de J.R.R. Tolkien, "The Silmarillion".

Fundada nos USA, o Iluvatar tem quatro álbuns editados oficialmente desde 1993, sendo o último no ano 1999.

A banda era composta por Glenn MacLoughlin na percussão e voz, Dennis Mullin nas guitarras, Jin Rezek nos teclados, Dean Morekas no baixo e Chris Mack na bateria e percussão.

Participaram de vários festivais como o ProgScape 94 e 96 em Baltimore; o ProgNights 96 em Nova Iorque; o ProgDay 96 na Carolina do Norte; o ProgEast 97 em Quebec no Canadá; o BajaProg 98 no México e o NEARfest 2000 em Bethlehem na Pennsylvania, projetando a banda além dos USA.

"Children" é o segundo álbum da banda, com características bem progressivas, cheio de sintetizadores, boas vocalizações e o destaque do álbum vai para a música "The Final Stroke" que é ótima.

Para conhecer o álbum todo é só ir para o blog Pillars of Progressive.


23 de mar de 2010

BLIND GUARDIAN - "Forgotten Tales" - 1996

Blind Guardian, banda de metal-progressivo da Alemanha, nascida na década de 80busca sua inspiração e temática para a criação dos álbuns na cultura medieval, na mitologia grega e nórdica, bem como nas consagradas obras de J.R.R. Tolkien autor de "O senhor dos Anéis".

Aliás, este escritor é fonte de inspiração para outras bandas, como por exemplo, o Marillion que teve seu nome criado a partir de sua obra  "The Silmarillion".

Falando especificamente de "Forgotten Tales", um álbum que foge um pouco do dito acima, uma vez que é  uma compilação de diversos covers que eles adoram fazer, inclusive de suas próprias criações, com a adição de detalhes não observados nas versões originais de estúdio. 

Bandas como Beach Boys, Uriah Heep, Queen e até o Mike Oldfield entre outros são verdadeiramente homenageados por versões metalizadas, mas sem perder o espírito de suas origens. A voz de Hansi Kürsh com um timbre bem característico e muito firme dá conta do recado com muita tranqüilidade mesmo se levarmos em conta as músicas escolhidas para os covers. O demais  músicos da banda são André Albrich e Marcus Siepen nas guitarras/baixo e Frederick Ehmke na bateria, fazendo um metal  com toda dignidade.

Set-List:
01. Mr. Sandman
02. Surfin' U.S.A. 
03. Bright Eyes
04. Lord of the Rings
05. Wizard
06. Spread Your Wings
07. Mordred's Song
08. Black Chamber
09. Bard's Song [Live]
10. Barbara Ann/Long Tall Sally
11. Past and Future Secret
12. France
13. Theatre of Pain
Mordred's Song

Um cover muito especial que eles fizeram e não está incluído neste álbum, é "Don't talk to strangers" do DIO que merece muito ser lembrado.


PREMIATA FORNERIA MARCONI - "Live in USA" - 1974

Sem dúvida alguma, a banda de rock progressivo de maior sucesso da Itália nos loucos anos 70 foi o Premiata Forneria Marconi.

Missão difícil, pois se compararmos com Le Orme, Banco del Mutuo Soccorso, Conzorcio Acqua Potabile e tanto outros, haja competência. E isso eles tem de sobra até hoje, pois ainda estão na ativa.

Para saber mais sobre o PFM é só acessar o link: http://www.gaudela.net/pfm/index2.html.
"Live in USA" é uma jóia rara, pois reúne suas melhores músicas dos álbuns antecessores. Este álbum contou com Flavio Premoli - teclados e voz; Franco Mussida - guitarra e vocal; Mauro Pagani - flauta, violino e voz , Patrick Djivas - baixo e Franz Di Cioccio - bateria, percussão e voz.

O set-list foi o seguinte:

1- Four holes in the ground;
2- Dove...Quando;
3- Just look away;
4- Celebration;
5- Mr. Nine till five;
6- Alta Loma five till nine
Celebration

No momento que estava preparando esta postagem, lembrei do saudoso Renato Russo da Legião Urbana que fez uma versão espetacular de "Dolcissima Maria" com um arranjo impecável, tão bom ou melhor que a versão original do PFM. Vale uma escutadinha nas duas versões.
PFM - Dolcissima Maria

Renato Russo - Dolcissima Maria

22 de mar de 2010

PASSPORT - "Infinity Machine" - 1976

O Passport foi a banda que abriu meus olhos para o jazz. Tocando um jazz-rock de primeiríssima qualidade com tendências progressivas, os alemães do Passport sob a batuta de Klaus Doldinger são sempre a garantia de muita curtição.

Como não estão presos a estereótipos do jazz, a liberdade de composição e a forma como tocam deixam as músicas com um formato muito agradável de escutar.

Em 2003 lançaram "Back to Brazil", um álbum com a fusão dos ritmos do Brasil e do jazz-rock maravilhoso que eles fazem e o resultado não poderia ser outro, um discaço, que será o objeto de uma próxima postagem da banda.

O Download do album está originariamente postado no blog Rare & Groove Jazz (http://rarejazz.blogspot.com/) que tem um execelente acervo de Jazz e afins.

O set list deste album é o seguinte:

1 Ju-Ju-Man 10:07
2 Morning Sun 5:48
3 Blue Aura 3:04
4 Infinity Machine 5:12
5 Ostinato 7:37
6 Contemplation 6:36

A formação da banda para "Infinity Machine"contou com Klaus Doldinger; Wolfgang Schmid; Curt Cress e Kristian Schultze. No vídeo abaixo temos Ostinato que foi a primeira música do Passport que escutei.

21 de mar de 2010

MUTANTES - "Tudo foi Feito Pelo Sol"

Esse é o MUTANTES na fase pós Rita Lee, totalmente prog, sem o psicodelismo e irreverência que era a marca registrada da banda. Neste álbum a formação da banda foi a seguinte: Sergio Dias Baptista nos vocais e guitarras; Túlio Mourão nos teclados e vocais; Antonio Medeiros no baixo e vocal e Ruy Mota na bateria e percussão.

Tudo foi feito pelo Sol foi produzido e lançado em 1974 e o destaque vai para a música Ptágoras, totalmente instrumental, engana a qualquer um que não a conheça, dado a sua complexidade e formato com o que era produzido naquela época. Dá para confundir com o ELP, Genesis; Camel, ou seja, é música muito boa, progressivo de primeira.

Quem quiser baixar o álbum completo o acesso está em: http://www.mediafire.com/?znomt2l2z0t  do blog Dois no Som.
Mutantes - Ptágoras

GABRIEL MENEZES - Um jovem talento para a WEB

Gabriel Menezes é uma promessa para o Web Design no vigor dos seus 19 anos, esbanjando talento e criatividade em seus primeiros trabalhos.

Estudande da Universidade Anhembi Morumbi, ele faz o curso de Design Digital em busca de conhecimento e técnicas que possam ser associadas ao seu talento e ampliar suas possibilidades de sucesso na WEB.

Quem quiser dar uma conferida em alguns dos trabalhos produzidos, eles estão disponibilizados no CARBONMADE no seguinte link: http://gabrielmenezez.carbonmade.com/.  

19 de mar de 2010

QUATERNA RÉQUIEM - "LIVRE"

Principal representante do movimento prog brasileiro, o grupo carioca Quaterna Réquiem lança seu primeiro trabalho "Velha Gravura" ainda no formato LP em 1990 e posteriormente em CD em 1992. Seu ultimo trabalho de estúdio data de 2003 com o título "A Mão Livre".

A boa notícia é que o grupo está preparando um novo álbum. "O Arquiteto" será composto de uma suíte dividida em cinco partes, inspiradas nos estilos de cinco arquitetos da antiguidade.

A Formação que executou o "Livre" foi composta por Elisa Wiermann nos teclados, arranjos e composições: Cláudio Dantas na bateria; Roberto Crivano nas guitarras; Fred Fontes no baixo e teve como convidado especial Kleber Vogel no violino, atualmente parte integrante da banda.

A rigor são instrumentistas que qualquer comentário a respeito de performance é chover no molhado. O grande destaque é Elisa Wiermann que quando está com as mãos sobre os teclados deve "receber" algum tipo de inspiração/intuição divina dos grandes mestres dos teclados (Keith Emerson; Rick Wakeman, Jurgen Fritz e etc.), pois simplesmente destrói nas harmonizações e solos que executa.

O set-list do show:

1 - Fanfarra - 05:41
2 - Quasímodo - 19:03
3 - Tríade - 04:27
4 - Irmãos Grimm - 11:26
5 - Solo de Bateria - 06:04
6 - Velha Gravura - 23:06

A Home Page oficial da banda está disponível em http://www.quaternarequiem.net/.

O vídeo abaixo da uma noção do que eles tocam. A música em questão é "Velha Gravura" no show no realizado no  SESC de Três Rios no Rio de Janeiro em 1991.

    

18 de mar de 2010

SOLARIS - "Marsbéli Krónikák"

SOLARIS, banda de rock progressivo da Hungria, fundada em 1980, com oito álbuns editados até 2005, simplesmente arrasam no "Marsbéli Krónikák" de 1984, conhecido como "Crônicas Marcianas".

Uma verdadeira obra de arte do movimento prog que já estava um pouco desgastado pelo tempo e pelas novas tendências musicais.

Seguindo a doutrina prog, o álbum é temático e em especial este, quase todo instrumental com poucas intervenções vocais e diversas variações rítmicas permitindo uns cinqüenta minutos de pura harmonia entre seus integrantes sem a preocupação de solos intermináveis.

A formação deste álbum contou com a participação de: Cziglán, István - guitarras; Erdész, Róbert - teclados; Kollár, Attila - flauta; Gömör, László - bateria  e Pócs, Tamás - baixo.

Neste vídeo a faixa de abertura de "Marsbéli Krónikák"
  

O SOLARIS esteve presente no PROGFEST de Los Angeles em 1995 em uma apresentação no mínimo antológica, resultando em um cd duplo a ser comentado oportunamente. E pelo incrível que pareça, estiveram no Brasil em 1996 no RIO ART ROCK FESTIVAL 96, sendo outra apresentação de arrepiar.  É só dar uma conferida no vídeo abaixo. 

17 de mar de 2010

STARCASTLE - "Lady of the lake"

Banda de rock progressivo dos USA, tem sua base de inspiração no YES. Terry Lutrell que faz o vocal tem o mesmo timbre de voz que Jon Anderson, mas, não chega a ser uma imitação, talvez uma feliz coincidência que ajudou a projetar o grupo.

O Starcastle tem estilo próprio, com boas harmonizações, uma base de teclados que não decepciona, tendo em vista que do outro lado que é o YES sua fonte de inspiração, competir com Tony Kaye/Patrick Moraz/Rick Wakeman que se revezavam nos teclados, não era uma tarefa das mais fáceis. Praticamente impossível no caso de RW.

O primeiro álbum nasce em um momento muito significativo, pois foi exatamente no ápice do movimento prog da época com bandas como Pink Floyd, Yes, Genesis, ELP, Camel e tantas outras, lançando álbuns que estouravam nas paradas de sucessos, apresentando shows antológicos no eixo USA-Europa e que sem dúvida alguma serviram de inspiração para quem estava começando naquele momento.

Quem quiser conhecer a banda um pouco mais, é só acessar o PROG ARCHIVES pelo link: http://www.progarchives.com/mp3.asp?id=757   ou se preferir escutar o álbum todo é só seguir este link: http://www.4shared.com/file/56960604/d165a5e8/1976_Starcastle.html  que esta disponível no blog LÁGRIMA PSICODÉLICA, que aliás tem um acervo de álbuns fantástico. Lá é parada obrigatória para quem gosta de rock.

16 de mar de 2010

THE ALAN PARSONS PROJECT - "The turn of a friendly card"

Como enfrento diariamente uma viagem para fazer o deslocamento casa-escritório, algo em torno de uns 45 minutos pela manhã aqui em  Sampa, sempre venho escutando algo. Hoje caiu uma ficha. Escutando "The turn of a friendly card", editado em 1980, dei-me conta que é um dos poucos álbuns que dá para escutar da primeira a última faixa. Esse agrada a qualquer um. 

Pensando a respeito, fiz um retrospecto da trajetória de Alan Parson e lembrei que como produtor e engenheiro de som ele trabalhou em álbuns clássicos, como “Let It Be” e “Abbey Road”, dos The Beatles, e “The Dark Side of The Moon”, do Pink Floyd.  Uma convivência  como esta é mais que suficiente para dar inspiração a qualquer um cristão, muçulmano, umbandista, budista e tantos outros a produzir um "The turn of a friendly card".

Acho que dai para frente não é mais necessário ficar falando muito, alem do fato de ser um excelente compositor e estar sempre cercado de instrumentistas de estúdio de primeira linha.

Vale lembrar que ele teve uma parceria fundamental com Eric Wolfson, também fundador, compositor e  cantor do APP, infelizmente falecido em dois de dezembro de 2009 aos 63 anos. Para conhecer toda a obra é só acessar a Home Page oficial pelo link: http://www.the-alan-parsons-project.com/index.php.

O vídeo com a faixa "Nothing Left To Lose" faz parte do set-list de "The turn of a friendly card".  
  

MAIS PÉROLAS DO ENEM 2009 - QUE MARAVILHA!!!!

O tema da redação do Enem 2009 foi Aquecimento Global, e como acontece todo ano, não faltaram preciosidades. Lá vão:


1) "o problema da amazônia tem uma percussão mundial. Várias Ongs já se estalaram na floresta." (percussão e estalos. Vai ficar animado o negócio)

2) "A amazônia é explorada de forma piedosa." (boa)

3) "Vamos nos unir juntos de mãos dadas para salvar planeta." (tamo junto nessa, companheiro. (Mais juntos, impossível)

4) "A floresta tá ali paradinha no lugar dela e vem o homem e créu." (e na velocidade 5!)

5) "Tem que destruir os destruidores por que o destruimento salva a floresta." (pra deixar bem claro o tamanho da destruição)

6) "O grande excesso de desmatamento exagerado é a causa da devastação." (pleonasmo é a lei)

7) "Espero que o desmatamento seja instinto." (selvagem)

8) "A floresta está cheia de animais já extintos. Tem que parar de desmatar para que os animais que estão extintos possam se reproduzirem e aumentarem seu número respirando um ar mais limpo." (o verdadeiro milagre da vida)

9) "A emoção de poluentes atmosféricos aquece a floresta." (também fiquei emocionado com essa)

10) "Tem empresas que contribui para a realização de árvores renováveis." (todo mundo na vida tem que ter um filho, escrever um livro, e realizar uma árvore renovável)

11) "Animais ficam sem comida e sem dormida por causa das queimadas." (esqueceu que também ficam sem o home theater e os dvd's da coleção do Chaves)

12) "Precisamos de oxigênio para nossa vida eterna." (amém)

13) "Os desmatadores cortam árvores naturais da natureza." (e as renováveis?)

14) "A principal vítima do desmatamento é a vida ecológica." (deve ser culpa da morte ecológica)

15) "A amazônia tem valor ambiental ilastimável." (ignorem, por favor)

16) "Explorar sem atingir árvores sedentárias." (peguem só as que estiverem fazendo caminhadas e flexões)

17) "Os estrangeiros já demonstraram diversas fezes enteresse pela amazônia." (o quê?)

18) "Paremos e reflitemos." (beleza)

19) "A floresta amazônica não pode ser destruída por pessoas não autorizadas." (onde está o Guarda Belo nessas horas?)

20) "Retirada claudestina de árvores." (caráulio)

21) "Temos que criar leis legais contra isso." (bacana)

22) "A camada de ozonel." (Chris O'Zonnell?)

23) "a amazônia está sendo devastada por pessoas que não tem senso de humor." (a solução é colocar lá o pessoal da Zorra Total pra cortar árvores)

24) "A cada hora, muitas árvores são derrubadas por mãos poluídas sem coração." (para fabricar o papel que ele fica escrevendo asneiras)

25) "A amazônia está sofrendo um grande, enorme e profundíssimo desmatamento devastador, intenso e imperdoável." (campeão da categoria "maior enchedor de lingüiça")

26) "Vamos gritar não à devastação e sim à reflorestação." (NÃO!)

27) "Uma vez que se paga uma punição xis, se ganha depois vários xises." (gênio da matemática)

28) "A natureza está cobrando uma atitude mais energética dos governantes." (red bull neles - dizem as árvores)

29) "O povo amazônico está sendo usado como bote expiatório" (ótima)

30) "O aumento da temperatura na terra está cada vez mais aumentando." (subindo!)

31) "Na floresta amazônica tem muitos animais: passarinhos, leões, ursos, etc." (deve ser a globalização)

32) "Convivemos com a merchendagem e a politicagem." (gzus)

33) "Na cama dos deputados foram votadas muitas leis." (imaginem as que foram votadas no banheiro deles)

34) "Os dismatamentos é a fonte de inlegalidade e distruição da froresta amazonia." (oh god)

35) "O que vamos deixar para nossos antecedentes?" (dicionários)

Fonte: Autor desconhecido via e-mail da Maria Alice, minha gata.

15 de mar de 2010

PENDRAGON - "As good as gold"

Banda de rock progressivo da Inglaterra, atuando desde 1978, o PENDRAGON faz com muita competência um progressivo muito agradável de escutar. Composto por Nick Barret nas guitarras e vocais, Clive Nolan nos teclados; Peter Gee no baixo e Joe Crabtree na bateria, esta é a formação atual desde 2006.

Apesar de algumas trocas ao longo dos trinta e dois anos de existência a qualidade dos álbuns não sofreu seqüelas perceptíveis. A música do vídeo abaixo está no álbum "The Mascarade Overture" de 1996, uma verdadeira obra prima.


A home Page oficial do Pendragon está em: http://www.pendragon.mu/

      

14 de mar de 2010

FILMES CLÁSSICOS & INESQUECÍVEIS

 Procurando uns filmes bem velhos, algo como "Alta Ansiedade" de Mel Brooks, "O Fantasma do Paraíso" de Brian de Palma, e outros do gênero, cheguei até um blog, o "FILMES CLÁSSICOS & INESQUECÍVEIS" que merece ser muito divulgado. Um prato fundo para os amantes do cinema e principalmente para quem quer ter acesso a filmes que não são mais encontrados em locadoras ou mesmo para uma compra em lojas especializadas. O blog tem um acervo fantástico e inimaginável de filmes e está muito bem estruturado para a busca do filme desejado. Quem quiser dar uma conferida é só acessar http://baixarlivrefilmesmoviesshows.blogspot.com/  e aproveitar.

13 de mar de 2010

VAN CANTO - Um metal renovado

Formado por uma bateria, e cinco vozes potentes, os alemães do Van Canto renovam a vertente metal esbanjando criatividade e competência. Musicas conhecidas como "Fear of the dark" do Iron ou "The Bard’s Song In the Forest" do Blind Guardian ganham uma roupagem extremamente interessante e sem perder a sua essência o que é ótimo. O Van Canto tem dois álbuns editados, "Storm to Come" e "Hero".


A música do vídeo, "Kings of Metal" um hit do Manowar do álbum Hero deixa bem claro o que o Van Canto é capaz de fazer.

PÉROLAS DO MARCELO ADNET



11 de mar de 2010

YANNI - Deliverance

Extraído do DVD  Tribute, a música Deliverance proporciona mais de nove minutos de fortes emoções.


Yanni como sempre detalhista em suas composições e principalmente em suas apresentações, vem muito bem acompanhado de exímios instrumentistas em  mais uma apresentação impecável.


Os destaques ficam por conta das cantoras e da violinista que sempre dá um show em seus solos.  


O link para a Home Page oficial é o seguinte: http://www.yanni.com   



 

BEATLES TUBE - The Beatles Videos on Youtube

Recebi agora a pouco por e-mail de um colega, um link para  Home Page  BEATLESTUBE (http://www.beatlestube.net/), lógico, muito legal, não dá para deixar de comentar e dividir com todos.

O mais interessante é que nesta Home Page existem links para U2, Rolling Stones, Elvis e Queen, tudo no formato TUBE, ou seja, é vídeo que não acaba mais. Tem imagem e som para gregos e troianos. Bons vídeos!!!!

PÉROLAS DO ENEM - 2009

‘O sero mano tem uma missão…’

‘O Euninho já provocou secas e enchentes calamitosas. .’

‘O problema ainda é maior se tratando da camada Diozanio!’

‘A situação tende a piorar: o madereiros da Amazônia destroem a Mata Atlântica da região.’

Não preserve apenas o meio ambiente e sim todo ele.’

‘O grande problema do Rio Amazonas é a pesca dos peixes’

‘É um problema de muita gravidez.’

‘A AIDS é transmitida pelo mosquito AIDES EGIPSIO.’

‘Já está muito de difíciu de achar os pandas na Amazônia’

‘A natureza brasileira tem 500 anos e já esta quase se acabando’

‘O cerumano no mesmo tempo que constrói, também destroi, pois nos temos que nos unir para realizarmos parcerias juntos.’

‘Na verdade, nem todo desmatamento é tão ruim. Por exemplo, o do Aeds Egipte seria um bom beneficácio para o Brasil’

… menos desmatamentos, mais florestas arborizadas. ‘

‘Isso tudo é devido ao raios ultra-violentos que recebemos todo dia.’

‘Tudo isso colaborou com a estinção do micro-leão dourado.’

‘Imaginem a bandeira do Brasil. O azul representa o céu , o verde representa as matas, e o amarelo o ouro. O ouro já foi roubado e as matas estão quase se indo. No dia em que roubarem nosso céu, ficaremos sem bandeira..’

‘… são formados pelas bacias esferográficas. ‘

‘Eu concordo em gênero e número igual.’

‘Precisa-se começar uma reciclagem mental dos humanos, fazer uma verdadeira lavagem celebral em relação ao desmatamento, poluição e depredação de si próprio.’

‘O serigueiro tira borracha das árvores, mas não nunca derrubam as seringas.

‘Vamos deixar de sermos egoistas e pensarmos um pouco mais em nos mesmos.’


Fonte: http://www.besteirolinc.com/

10 de mar de 2010

EPICA - Never Enough

Os holandeses do Epica desembarcam no Brasil em abril deste ano entre os dias 7 e 11 para shows nas cidades de Curitiba, Belô, Sampa e Rio.

Intitulados de metal-gótico, metal-melódico, metal- sinfônico, seja o que for, o que importa é que fazem um metal com personalidade e muito vibrante nos vocais de Simone Simons.

Um álbum altamente recomendado é "The Classical Conspiracy - Live in Miskolc, Hungary", acompanhados de uma orquestra, é pauleira pura. Boa parte do álbum é instrumental.
Trilhas de filmes como Spider Man, Star Wars, Piratas do Caribe ganharam versões antológicas. As demais músicas seguem no mesmo padrão. A música do vídeo também está neste álbum.

É o tipo de álbum que pode agradar até quem não é muito chegado ao metal. Estou escrevendo e ao mesmo tempo escutando "Sancta Terra" musica que facilmente caberia em filmes épicos como Cruzada, Troia ou qualquer outro do gênero. Não precisa ser metaleiro para gostar do EPICA basta gostar de música.

Para dar um pouco de água na boca, Never Enough.

9 de mar de 2010

URIAH HEEP - "Tales" com a participação de Thijs Van Leer

Encontro mágico é a palavra que define a execução de Tales no vídeo abaixo. Uriah Heep é sinônimo de hard rock refinado ao extremo e quando adicionado de um Thijs Van Leer é magia pura.

E trocadilhos a parte, esta apresentação está no álbum "The Magician's Birthday Party" disponível em CD e DVD para a comemoração de 30 anos do álbum "Magician's Birthday".

O show é muito bom, pois reúne antigos membros da banda como Ken Hensley e John Lawton e só por "Tales" já vale o álbum todo.


8 de mar de 2010

IQ - The Wake - LIVE 2005

Dando seqüência a postagens de bandas de rock progressivo, chega à vez do IQ, a rigor uma banda de neo-prog, mas com competência similar as grandes bandas. Produzem um som muito parecido com o estilo do Genesis, mas sem parecer um cover. A voz de Peter Nicholls em alguns momentos tem um timbre muito parecido com o de Peter Gabriel.

Com dez álbuns de estúdio editados desde 1983, e três ao vivo (oficiais), pois é muito difícil quantificar os bootlegs existentes,  a banda mantém até hoje seu estilo bem fiel aos seus primórdios. O que é otimo!!! 

Destaco "TALES FROM THE LUSH ATTIC (1983)"; "THE WAKE (1985) e principalmente  "SUBTERRANEA - THE CONCERT (2000)" que são álbuns de grande virtuosismo.

O vídeo postado com o hit The Wake da bem uma noção do que a banda é capaz .  Quem quiser conhecer a banda e só acessar http://www.iq-hq.co.uk/, para ir a home page oficial.



Banda alemã de rock progressivo, o Triumvirat foi fundado em 1969 e extinto em 1980. Produziram sete álbuns ao longo de sua existência. Amados por uns e odiados por outros por conta da similaridade dos timbres dos teclados de Jurgen Fritz e Keith Emerson do ELP. Brigas a parte o álbum é muito bom, e merece ser escutado. Quem quiser botar a prova, pode fazer o download direto pelo link: http://link-protector.com/x-41757.

Originariamente este link está disponível no blog COLLECTIVE COLLECTION (http://collective-collection.blogspot.com/) onde toda a discografia do Triumvirat está disponível.

7 de mar de 2010

DIA INTERNACIONAL DA MULHER

"Bem aventurada a mulher que cuida do próprio perfil interior e exterior, porque a harmonia da pessoa faz mais bela a convivência humana. Bem aventurada a mulher que, ao lado do homem, exercita a própria insubstituível responsabilidade na família, na sociedade, na história e no universo inteiro. Bem aventurada a mulher chamada a transmitir e a guardar a vida de maneira humilde e grande. Bem aventurada quando nela e ao redor dela acolhe faz crescer e protege a vida. Bem aventurada a mulher que põe a inteligência, a sensibilidade e a cultura a serviço dela, onde ela venha a ser diminuída ou deturpada. Bem aventurada a mulher que se empenha em promover um mundo mais justo e mais humano. Bem aventurada a mulher que, em seu caminho, encontra Cristo: escuta-O, acolhe-O, segue-O, como tantas mulheres do evangelho, e se deixa iluminar por Ele na opção de vida. Bem aventurada a mulher que, dia após dia, com pequenos gestos, com palavras e atenções que nascem do coração, traça sendas de esperança para a humanidade."

 Este lindo texto foi extraido do Site Belas Mensagens (http://www.belasmensagens.com.br/) e eu dedico esta mensagem a  minha esposa, mãe, filha, irmã, sogra, cunhadas, sobrinhas e amigas que fazem parte da minha vida.      

MÚSICA DE CINEMA

Assisti ao filme Bastardos e Inglórios do Quentin Tarantino, por sinal excelente e como sempre em seus filmes, muita ação e loucura. Não bastasse isso, a trilha sonora é de primeira. Não deu outra, fiz uma rápida pesquisa na net e achei um blog fantástico chamado Música de Cinema (http://musica-de-cinema.blogspot.com/), só que eu não encontrei a trilha dos Bastardos e Inglórios, mas em compensação o acervo que eu encontrei merece muito destaque. Para quem curte trilhas lá é o local certo, tem filme de 1931 em diante. Vale muito uma chegada até lá. Eu peguei umas dez trilhas de uma tacada só.
Quando encontrar a trilha de Bastardos e Inglórios eu posto no blog.
Bom garimpo!!

4 de mar de 2010

FOCUS EM SAMPA - 09-03-2010


Para quem gosta de rock progressivo, surge uma excelente oportunidade para assistir o lendário FOCUS, no dia nove de março às 21:00 h no Carioca Club - SP.

O show vai contar com a participação de dois membros fundadores da banda, Pierre Van der Linden na bateria e Thijs Van Leer nos teclados, flauta e voz.


Os outros dois componentes são Niels Van der Steenhover nas guitarras e Boby Jacobs no baixo.

Este show faz parte da turnê mundial de lançamento do nono álbum da banda, "New Skin".

Mas os fãs da banda podem ficar despreocupados, pois antigos sucessos como Hocus Pocus, Sylvia, Eruptions e muitos outros estarão presentes ao show.
No blog do El Greco (http://www.kleberelgreco.blogspot.com/) tem um farto material do FOCUS e de outras bandas também.

2 de mar de 2010

MUSEO ROSENBACH - Zarathustra


Banda de rock progressivo oriunda da Itália e neste trabalho abusa dos melotrons e farfisas com solos incríveis. Tem um vocal muito forte, cantado em italiano, o que dá um charme todo especial.



 
Este álbum foi lançado em 1973 e sua história esta baseada na obra de Nietzsche, "Assim Falou Zaratustra".

O Museo Rosembach tem um total de quatro álbuns lançados nos anos 70/80. É uma banda muito cultuada no mundo progressivo e um dos principais nomes do prog italiano.

Como sempre, quem quiser botar a prova, é só dar uma chegada no blog PROGROCKVINTAGE pelo link: (http://www.progrockvintage.com/2010/02/museo-rosenbach-zarathustra-1973.html) e fazer o download.

THE WHO - OPERA TOMMY


Obra prima do The Who, Tommy, em uma versão que tem nada menos que a "The London Symphony Orchestra", convidados do naipe de Steve Winwood, Maggie Bell, Ringo Star, Rod Stewart e outros em um desempenho impecável e é claro o próprio The Who.



Quem quiser saborear a peça, é só dar um pulinho no blog GRAVETOS E BERLOTAS (http://gravetos-berlotas.blogspot.com/2007/11/tommy-with-london-symphony-orchestra.html) e fazer o download do álbum completo. Realmente Imperdível!!!!!





1 de mar de 2010

VIRADA CULTURAL EM SÃO PAULO - 15 E 16 DE MAIO - 2010


O compositor e multi-tecladista inglês Rick Wakeman, um dos ídolos do rock progressivo, o soulman Booker T. Jones, a formação original da lendária banda de Janis Joplin, Big Brother & The Holding Company, e o grupo Living Colour são quatro das atrações internacionais confirmadas para se apresentar na Virada Cultural, que será realizada em São Paulo nos dias 15 e 16 de maio.

Wakeman vai executar ao vivo, acompanhado da Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo, uma de suas obras mais conhecidas, megalômanas e também mais problemáticas, "Journey to the Centre of the Earth", de 1974, baseada no clássico livro Viagem ao Centro da Terra, de Jules Verne. O álbum é um dos mais populares da carreira-solo do músico.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails