16 de set de 2010

PASSPORT - "Move" - 1998

É com muito prazer que posto mais um espetacular álbum do Passport, intitulado "Move", tendo sido gravado em 1988,  mais uma superprodução de Klaus Doldinger para nos entreter e nos maravilhar com seu talento, carisma e inspiração que neste álbum transborda em cada faixa.

O que se nota é que independente da formação da banda, o altíssimo nível musical se mantém constante dando a impressão que basta entrar para o Passport, que o músico se transforma em um super astro musical, pois tenho mais de vinte álbuns e não consigo lembrar de um que tenha deixado a desejar ou seja fraco musicalmente.

"Move" é uma delícia de álbum para se escutar e é difícil alguém não gostar, pois é extremamente variado, existindo uma alternância de ritmos a cada faixa, impossibilitando qualquer possibilidade de monotonia e mais o interessante neste álbum é a presença de um Hammond C3 dando uma ginga muito especial às músicas em que é solicitado.

Como há muito não o escutava, antes de começar a escrever a resenha eu o escutei novamente, pois a memória não ajuda mais e a impressão que tive é que era uma espécie de música ambiente de algum lugar sofisticado, chique, um aeroporto ou coisa parecida e foi quando me dei conta que na capa tinha um avião indo diretamente de encontro com o que havia sentido, mas sem estar colocando este trabalho como algo trivial.

Se não estiver enganado, este é o quinto álbum do Passport que posto e para falar a verdade, chego a conclusão que  Klaus Doldinger não é mais uma surpresa para mim, pois como ele é uma unanimidade musical, um gênio da música, eu não consigo achar um defeito em sua música, então conforme vou postando seus trabalhos escuto atentamente suas músicas para ver se algo anormal acontece, mas como ele sempre está na vanguarda da modernidade com tudo perfeitamente encaixado em seus devidos lugares com uma perfeição Suíça, fica muito dífícil encontrar alguma falha ou inconssistência em seu trabalho.

Falei um monte de abobrinhas acima e nada a respeito do álbum "Move" que como não poderia deixar de ser é fabuloso, super recomendado e em meu conceito um dos melhores álbuns já produzidos por Klaus Doldinger que está muito bem amparado pelos extraordinários músicos que completaram a banda, ou seja, é só escutar e se deliciar com mais uma pérola do Jazz-rock alemão.

Músicos:
Klaus Doldinger /saxophones & flute
Biboul Darouiche / percussion
Robert Di Gioia / keyboards
Wolfgang Haffner / drums
Peter O'Mara / guitar
Patrick Scales / bass
Ernst Ströer / percussion

Track-list:
01. Tranceport (5:00)
02. Mr. Handy Man (5:49)
03. Inside Out (6:31)
04. Lunatic Dancing (5:04)
05. Isar Valley Crocodile (5:23)
06. Move (8:15)
07. Lucky Loser (5:25)
08. Wanderlust (4:23)
09. Echoes Of Yesterday (5:57)
10. One Size Fits All (5:03)
11. For The Ones I Love (5:02)
12. Had To Have (6:07)

LINK.

"One Six Fits All"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails