8 de jul de 2010

MIKE OLDFIELD - Crises" - 1983

O multi-instrumentista Mike Oldifield, super astro da cena progressiva, corajosamente em 1983 nos presenteia com o álbum "Crises" ainda no formato dos antigos vinis (LP) com uma suíte que ocupava um lado inteiro do disco com pouco mais de vinte minutos, o que para os amantes do gênero era o máximo. 

Quando disse "corajosamente", não foi ironia, pois se levarmos em conta que a época não era mais favorável a este tipo de extravagância com músicas de longa duração e etc e tal, porem, Mike Oldfield simplesmente ignorou as tendências que se instalavam naquela década (mas isso é para quem pode) com as rádios FM's e principalmente as gravadoras que começavam a ditar regras absurdas que influenciavam diretamente o poder de criação dos compositores em detrimento de questões puramente mercantilistas e comerciais, descaracterizando por completo a essência e a forma de compor e tocar de várias bandas e artistas isolados que em muitos casos sucumbiram a estas doutrinas terminando suas carreiras em um completo ostracismo.

O mais importante é que Mike Oldfield com seu talento, emplacou mais um super álbum, extremamente conceituado pelo público e pela crítica que mais uma vez tiveram que se curvar e aplaudir de pé a mais uma pérola musical deste gênio.

Mas não foi por menos, pois ele contou com a presença de músicos ilustres como Simon Philips, Jon Anderson, Roger Chapman e outros para abrilhantar ainda mais a belíssima produção deste álbum.

A faixa título "Crises" é absolutamente fantástica com seus vinte e poucos minutos de duração, lembrando em algumas passagens instrumentais o legendário álbum "Tubular Bells", que havia sido produzido 10 anos antes deste, mas sempre soando como música atual.

As demais músicas que complementam este álbum são belíssimas e estão recheadas de músicos convidados que se encaixaram perfeitamente ao estilo eclético de compor e produzir de Mike Oldfield, dando até a impressão que foram feitas sob medida, principalmente em "Moonlight Shadow", "In High Places" e "Shadow on the Wall", o que de forma alguma tira o brilho deste magnífico álbum.

Músicos:
Mike Oldfield: Banjo, Bass, Guitar, Mandolin, Piano, Harp, Tambourine, Vocals, Bells, Farfisa Organ, Shaker, Prophet Synthesizer, Simmons Drums, Dmx, Fairlight CMI, Roland Synthesizer
Jon Anderson: Vocals
Roger Chapman: Vocals
Simon Phillips: Tambourine, Bells, Producer, Shaker, Finger Snaps, Stomping, Tama Drums
Maggie Reilly: Vocals
Rick Fenn: Guitar
Pierre Moerlen: Vibraphone
Phil Spalding: Bass

Track-list:
1 Crisis
2 Moonlight Shadow
3 In High Places
4 Foreign Affair
5 Taurus 3
6 Shadow on the Wall

Link.
"Crisis - pt.1"
"Crisis - pt.2"
"Shadow on the Wall"

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigado por este post.
    Não conheço este disco do Mike.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails