13 de jul de 2010

MÄGO DE OZ - "Gaia III - Atlantia" - 2010

Como no domingo passado a equipe da Espanha sagrou-se campeã da Copa do Mundo de Futebol na África do Sul e hoje coincidentemente estou escrevendo para o blog em terras andinas de língua espanhola, em uma temperatura em torno dos 2°C, surgiu para mim um bom motivo para apresentar uma banda espanhola, no caso,  o "Mägo de Oz", representante máximo de uma das vertentes do metal, o folk-metal.

Parabéns aos Campeões!!!!  Parabéns a Fúria!!!!

O folk-metal não é o tipo de música que eu normalmente escute, mas meu filho sempre fala muito bem desta banda e como tenho o hábito de escutar primeiro e contestar depois, pois  quebrei a cara e desta vez não houve a contestação, mas sim a confirmação que se tratava de música de altíssimo nível que em alguns momentos beira o rock progressivo que tanto gostamos de escutar.

O Mägo de Oz foi fundado em 1989, lançando seu primeiro álbum comercialmente em 1984 e de lá para cá, são uns quinze álbuns e eu começo exatamente pelo último, intitulado "Gaia III - Atlantia", formado por dois CD's de um rock muito bem elaborado, totalmente extrovertido, com o talento dos músicos aflorando em cada música executada.

Este álbum faz parte de uma trilogia que teve início em 2003, com "Gaia I", sua segunda parte em 2005, com "Gaia II - La voz dormida" e finalmente "Gaia III - Atlantia" lançado em maio deste ano.

As musicas deste álbum são de levantar defunto do caixão, pois não há quem não sucumba as fortes batidas da potente bateria acompanhadas das pesadas guitarras e do baixo, bem como dos fortes vocais masculinos e femininos sem entrar no ritmo alucinante que se instala.

E este cenário folk é complementado pelos teclados, violino, gaitas e flautas que são muito bem explorados musicalmente, construindo o cenário folk de forma muito bem articulada tendo como suporte arranjos excepcionais e execução impecável.

Resumindo de forma geral o comportamento desta banda, eles produzem um rock muito dinâmico e virtuoso, habilitando o "Mägo de Oz" a dar uma verdadeira aula de música de forma muito bem humorada, cantando as músicas em seu idioma pátrio, que para nós brazucas, pode soar de forma um pouco estranha ao inglês ou italiano que usualmente escutamos das principais bandas de rock progressivo, mas posso garantir que vale muito a pena dedicar um pouco de tempo para conhecer esta magnífica banda.

Membros da banda:

Txus - bateria
Mohammed - violino
Carlitos - guitarra
Frank - guitarra
Pedro Peri - baixo
José Andrëa - vocal
Sergio "Kiskilla" - teclado e acordeão
Fernando Ponce de León - flauta e gaita
Patricia Tapa- vocal
Tony Menguiano - vocal

Track-list:

CD 1
1.El Latido de Gaia
2.Dies Irae
3.Für Immer
4.Vodka & Roll
5.El Príncipe de la Dulce Pena (Parte IV)
6.Mi Hogar Eres Tú
7.Fuerza y Honor (El Dorado)
8.El Violín del Diablo
9.Siempre (Adiós Dulcinea - Parte II)

CD 2
1.Mis Demonios (Atrevete a Vivir)
2.Que el Viento Sople a tu Favor
3.Sueños Dormidos
4.Todavía Amanece Gratis
5.La Soga del Muerto (Ayahuasca)
6.La Ira de Gaia
7.Atlantia

Este Link está originariamente postado no blog ROAD TO METAL, especializado em metal e todas as sua vertentes, tornando-o parada obrigatória para os amantes do gênero e eu como tenho um pezinho no metal, passarei por lá mais vezes.

"Dies Irae"
"Für Immer"

2 comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails