28 de abr de 2010

DIÁRIO DE PARIS - "3º dia"

O cenário do terceiro dia em Paris foi bem mais alentador que os demais. Tivemos bastante trabalho, mas nada que exigisse um esforço muito grande igual aos outros dias.

O almoço foi na sala de reuniões a base de pizza, uma verdadeira éca. Frances não sabe fazer pizza e muito menos Fanta Laranja (um verdadeiro pavor).

Ao final da tarde, por volta das 17h, voltamos ao hotel e eu pude cochilar (dormi de verdade, chegando até a sonhar), tamanho era o esgotamento físico e mental que estes dias iniciais produziram.

Houve uma reunião por volta das 21h e ao final dela por volta das 23hs fomos jantar em um bistrô chamado "George V" na não menos legendária Champs Elysses.

Bom vinho, um foie gras de primeira, queijos camembert, brie e roquefort com um pãozinho Frances legitimo fizeram os trabalhos de abertura do jantar.
 
Em seguida parti para uma macarronada com salsa de tomates e muito queijo parmesão para fechar a noite em grande estilo e poder voltar ao hotel com o sentimento de missão cumprida.

Munido de uma câmera fotográfica descente, pude retratar o Arco do Triunfo de maneira mais digna a qual ele tanto merece.




Nada mais Frances que Charles Aznavour -" La Boheme"
  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails